- Publicidade -

More

    Entenda o motivo do Pai espancar filha de 2 anos até a morte em Luanda

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Arieth Silva

    Individuo de 26 anos é acusado de espancar a filha de 2 anos até a morte, no Bairro Rocha Pinto, em Luanda.

    Durante o programa “Fala Angola” da TV Zimbo, exibido nesta Terça-Feira, 11 de Abril, o presumível autor do crime confirmou o acto e justificou que agiu de forma inconsciente, porque supostamente tem malária cerebral.

    “Naquele momento não me encontrava consciente da minha própria ideia, tenho problema psicológico, de malária cerebral. Eu sou muito alterado e quando me nervo não tenho calma com as coisas, principalmente quando abre muito sol, tenho que sair do sol para ir na sombra ou andar de chapéu”, explicou.

    O autor do crime disse que a conduta da sua esposa também foi uma das motivações para que fizesse tal acto.

    “Ela tinha hábito de entrar tarde dentro de casa e o que ela fazia não me agradava. Jogava batota, tinha relações com os homens que cresceram comigo e até já fui chamado de corno; ela própria já disse que o meu amigo lhe dava mais dinheiro que eu”, continuou.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Banco Bic abre inscrições para o crescer juntos e homenageia empresas co-investidoras

    O Banco BIC abriu nesta segunda-feira, 17 de Junho, as inscrições deste ano para ONGs, Fundações e Associações que necessitam de recursos financeiros e...

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola É com imenso prazer que anunciamos a nossa...

    Jornalista Dalila Prata destaca-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt (Alemanha)

    Por: Luizão Cabulo A jornalista angolana Dalila Prata destacou-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt, Alemanha, representando Angola e a "TPA online"...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto