- Publicidade -

More

    Ernesto Bartolomeu: “Nasci no dia em que o meu pai morreu e só o conheci numa foto, 21 anos depois”

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Stella Cortêz

    “Nasci no dia em que o meu pai morreu e só o conheci numa foto, 21 anos depois,” revelou Ernesto Bartolomeu, numa entrevista ao programa Grandes Manhãs, emitido no canal Zap Viva.

    “Fui registado por um tio e até a 4ª Classe o meu nome era Ernesto Francisco Filipe, porque o meu tio se chama Filipe. Depois se resolveu o assunto, mas houve uma briga para conseguir levar o nome do meu pai, Elias Bartolomeu, e lembro-me que só o conheci numa foto, 21 anos depois,” acrescentou o jornalista.

    Integrante de uma família de cinco irmãos e pivot do principal serviço de informação do país, Ernesto falou sobre alguns detalhes que poucos conhecem com relação à sua família e origem. “Eu sou ovimbundu de origem, a minha mãe nasceu no Bailundo, o meu pai nasceu no Lubili e nós, os filhos, nascemos em Luanda. Somos cinco irmãos, dois de pai e mãe e os outros são frutos de uma outra relação, porque, depois do meu pai morrer, a minha casou-se novamente”.

    Osvaldo
    Osvaldo
    Editor da Platina Line
    Share this
    Tags

    A Bombar

    Banco Bic abre inscrições para o crescer juntos e homenageia empresas co-investidoras

    O Banco BIC abriu nesta segunda-feira, 17 de Junho, as inscrições deste ano para ONGs, Fundações e Associações que necessitam de recursos financeiros e...

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola É com imenso prazer que anunciamos a nossa...

    Jornalista Dalila Prata destaca-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt (Alemanha)

    Por: Luizão Cabulo A jornalista angolana Dalila Prata destacou-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt, Alemanha, representando Angola e a "TPA online"...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto