- Publicidade -

More

    Escritor Lopito Feijó convidado no salão internacional do livro de Paris

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

     

    O escritor Lopito Feijó ira participar , a convite do projecto editorial da Bacia do Rio Congo, na 35ª edição do salão internacional do livro de França.

    Em entrevista à Agencia de Noticias Angop, o escritor salientou que o salão do livro, aberto no dia 20 do corrente, está a proporcionar ao público visitante o melhor da criação literária mundial, contando com a presença dos mais representativos é importantes escritores da literatura universal.

    Durante a sua permanência em França vai participar em palestras, entrevistas e contactos com editores e tradutores participantes no evento, cuja edição e realização é dedicada ao Brasil e sua literatura.

    O poeta angolano disse ainda que a ocasião serve para encontros e reencontros inesperados com gente do mesmo ofício, bem como para a troca de experiência, divulgação e promoção da literatura angolana no exterior, dando a conhecer a história, o dinamismo e as novas propostas da literatura angolana.

    Lopito Feijó nasceu em Malange. É co-fundador da Brigada Jovem de Literatura de Luanda e membro da União dos Escritores Angolanos.

    Licenciado em Direito pela Universidade Agostinho Neto, o escritor publicou o seu primeiro livro depoemas com o título “Entre o Écran e o Esperma”, que recebeu uma “Menção Honrosa” no concurso de literatura “Camarada Presidente”, promovido pelo Instituto Nacional do Livro e do Disco (INALD, Actual Instituto Nacional das Industrias Culturais).

    Tem ainda publicadas as obras Doutrina (1987); Rosa Cor de Rosa (1987), Corpo a Corpo (1987) e Cartas de Amor (1990).

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Evento com Leandro Karnal em Angola Tem Procura de Ingressos Recorde

    A febre pelo conhecimento e desenvolvimento pessoal dispertou muito interesse dos angolanos> ! O evento CONNECT, que traz o renomado historiador, escritor e professor...

    Pedro Gonçalves chega à marca dos 50 jogos com Palancas Negras

    Por: Helder Lourenço O seleccionador Pedro Gonçalves atingiu a marca dos 50 jogos como timoneiro da selecção nacional de Angola e descreve este marco como...

    Sérgio Moikano revela motivos que o levaram a sair do grupo “Deixaram-me no Zango 8 mil, saí de lá de candongueiro às 3h, só...

    Durante uma entrevista feita, recentemente, no programa 'A Tarde é Nossa', da Tv Zimbo, o kudurista angolano Sérgio Moikano revelou verdadeiramente os motivos que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto