- Publicidade -

More

    Escritor Manuel Rui apresenta livro "A Trança" na província do Bengo

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

     

    Caxito – O escrito Manuel Rui apresentou nesta quarta-feira, em Caxito, província do Bengo, a sua mais recente obra intitulada “A Trança”.

    Publicado sob a chancela da editora Mayamba, o romance “A Trança” é, segundo o escritor, uma nova fase da sua escrita, sublinhando que poderá ser criticado pela mudança.

    “Este livro é mais um curvo na minha obra. É fundamentalmente uma entrada na espiritualidade africana”, esclarecendo que “A Trança” é um romance sobre ternura e o amor ecuménico.

    Durante a sua estadia no Bengo, o autor do Hino Nacional de Angola conversou com leitores que o questionaram sobre a sua inspiração para escrever o conjunto das suas obras, com destaque para o livro “Quem me dera ser onda”.

    No final, o ensaísta, cronista, dramaturgo e poeta Manuel Rui procedeu a uma sessão de assinatura de autógrafos dos livros “A Trança” e “Quem me dera ser onda”.

    Em entrevista à Angop, Lourenço João, do Movimento Levarte no Bengo manifestou o seu regozijo pela vinda a província de Manuel Rui, pois possibilitou o contacto directo entre o escritor, leitores e os livros.

    Considerou a vinda de Manuel Rui ao Bengo uma mais-valia para o trabalho de incentivo à leitura que o Movimento Levarte no Bengo tem desenvolvido nos últimos tempos.

    Depois de Caxito, Manuel Rui vai à cidade do Huambo e ao Bailundo, com a mesma finalidade.

    O conjunto de obras literárias de Manuel Rui inclui textos de poesia e de ficção publicados desde 1967 até à presente data. É o autor do primeiro livro de poesia e do primeiro livro de ficção publicados em Angola após a Independência.

    Galardoado com inúmeros prémios, Manuel Rui recebeu o Prémio Caminho das Estrelas 1980, pela emblemática obra “Quem Me Dera Ser Onda”, já adaptada para televisão e teatro em Moçambique, Portugal e Angola, e agora publicada pela Mayamba Editora.

     

    manuelrui.jpg

    Em 2003, renunciou ao Prémio Nacional de Cultura na área da Literatura atribuido pelo conjunto da sua obra.

    Os seus textos encontram-se traduzidos em diversas línguas destacando-se o umbundo, espanhol, francês, norueguês, hebraico e mandarim.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “FAF Impede Convocação de Bastos Quissanga para Seleção Angolana, Diz Fonte”

    Pedro Gonçalves revelou nesta terça-feira, 21, os convocados para os jogos contra Eswatini e Camarões, marcados para os dias 7 e 11 de junho,...

    Vlado Coast ‘Renasce’ em seu novo EP

    Numa recente entrevista ao Platinaline, o artista angolano Vlado Coast revelou o lançamento do seu novo EP intitulado 'Renascer', que será disponibilizado no dia...

    Aryovaldo cria meme sobre TPA após indiretas entre TV Zimbo e Zap viva e deixa internautas encabulados

    Depois do apresentador angolano Igor Benza ter anunciado recentemente no programa "A Tarde é Nossa", a entrada da apresentadora Stella de Carvalho ao referido...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto