- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Gabriela Antunes será homenageada Nesta sexta feira

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios


    

    A associação chá de caxinde vai homenagear nesta sexta feira a grande escritora e professora Angolana Maria Gabriela Cardoso da Silva Antunes ou simplesmente Gabriela Antunes . A professora vai ganhar uma sala de leitura com seu nome que ira ser inaugurada nesta sexta feira(28) a novidade pelo filho Jorge Antunes que aproveitou para informar que: “Aproveito para relembrar e dar a conhecer a todos que o espolio bibliográfico dela foi por mim, em nome da família, oferecido a associação e estará disponível a partir dessa data. Que segundo Jorge eram mais de 2000 livros …

     

    Sobre A Professora e escritora

     

    Professora e escritora angolana, Maria Gabriela Cardoso da Silva Antunes nasceu a 8 de Julho de 1937, na antiga Nova Lisboa, actual Huambo, em Angola.

    Após concluir os estudos secundários em Huambo, partiu para Lisboa, em 1955, tendo aí obtido a licenciatura em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras Lisboa, em 1960. Mais tarde, fez uma pós-graduação em Pedagogia e Didáctica da Língua Inglesa, em Luanda.

    A nível profissional, começou a trabalhar na Escola Comercial e Industrial Sarmento Rodrigues, em Huambo e, em 1964, foi contratada para o Ensino Técnico-Profissional e, simultaneamente, desempenhou as funções de docente de Inglês e Alemão no Instituo Comercial de Luanda. Nos últimos anos, leccionava no Instituto Superior Privado de Angola (ISPRA). Para além disso, assessorou o ministério da Educação e Cultura, foi membro de direcção da União dos Escritores Angolanos, coordenadora nacional da UNESCO e do Fundo Bibliográfico de Língua Portuguesa em Angola, coordenadora do curso de Jornalismo do Instituto Makarenko (posteriormente Instituto Médio de Economia de Luanda) e directora da Biblioteca Nacional de Angola.

    Como escritora, colaborou com a imprensa e publicou diversos livros infantis, como Kibala, o Rei Leão (1982), A Águia, a Rola, as Galinhas e os 50 Lwei (1982), Estórias Velhas, Roupa Nova (1989), O Cubo Amarelo (1991). Em 1999, recebeu o prémio da Fundação Casa de Cultura de Língua Portuguesa, entregue por Jorge Sampaio, Presidente da República, na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.

    Defensora da identidade angolana e activista dos direitos humanos e promotora da literatura em língua portuguesa, Gabriela Antunes faleceu a 3 de Abril 2004, em Lisboa, onde estava a efectuar tratamento médico. A Platina Line na sexta feira para juntar-se a essa homenagem vai publicar um pouco mais da vida e obra dessa Escritora, professora que nos deu muito do seu saber a nós.  

    Share this
    Tags

    A Bombar

    INADEC realiza 1ª edição do fórum de empreendedorismo digital e conscientização empresarial

    O INADEC realizou, nesta Sexta-feira(12), no Ministério do Comércio, a primeira edição do fórum de empreendedorismo digital e conscientização empresarial. O evento teve como objectivo...

    Comité Mister Angola comemora 25 anos de existência com jantar intimista

    O comité Mister Angola celebrou os seus 25 anos de existência, neste Domingo(14), com um jantar intimista que reuniu todos os misteres e patrocinadores...

    Pérola e Ednardo Soares tornam-se embaixadores da marca Wiliete Crédito

    Texto: Sara Rodrigues Fotógrafo: Carlos Cristóvão A Wiliete Crédito, uma das principais instituições financeiras em Angola, firmou nesta Segunda-feira um acordo histórico com a cantora angolana...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto