- Publicidade -

More

    Gersy Pegado descreve trajecto do grupo

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A cantora Gersy Pegado, do grupo as Gingas, apresenta dia 17, na Praça da Independência, em Luanda, o seu primeiro livro, “Gingas na Minha Retina”, no qual mostra os momentos mais marcantes das “Meninas do Maculusso”.


    Segundo a autora disse ao Jornal de Angola, o livro foi escrito para servir de testemunho às gerações vindouras sobre o percurso de um dos grupos femininos mais conceituados do país e mostrar o seu ponto de vista acerca do mercado musical angolano. 


    “Na verdade, foi um exercício que comecei a fazer e acabou por tomar uma proporção maior do que eu esperava”, disse a cantora. Acrescentou que, ao analisar o mercado discográfico, “achei por bem justificar a minha posição, de forma que decidi contar a minha trajectória, enquanto membro das Gingas porque, para lá da performance em palco, fizemos coisas maravilhosas por este país”.
    Explicou ainda que o livro, reproduzido em Portugal, foi prefaciado por Jomo Fortunato e editado pela Aviluppa Kuimbila.  “O livro não anula a visão da minha mãe e professora sobre as Gingas. Certamente um dia ela irá escrever sobre esse grupo monumental que criou. Ainda assim, não me sinto alheia a este projecto do qual estou na génese e ajudei a construir desde o seu primeiro dia. Por essa razão, sinto-me bastante à vontade e feliz por poder mostrar às pessoas o orgulho de fazer parte deste grupo”, disse.


    Lembrou que com 29 anos de carreira, a actividade das Gingas, que começou em 1982, vai prosseguir ainda por muitos anos. “Vamos continuar a fazer a música que a todos habituámos, mas acompanhando as actuais mudanças do mercado”. As Gingas têm cinco discos no mercado, que as ajudaram a serem elevadas à condição de um dos grupos femininos mais emblemáticos da música angolana.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    4ª edição dos “Prémios Tigra Nova Garra” reconhece 28 profissionais em diferentes áreas de actuação

    Os Prémios “Tigra Nova Garra” já fazem parte da agenda dos grandes eventos anuais que reconhecem talento, criatividade, esforço e compromisso social dos jovens...

    “Delero King cobra Taxa de 1 Milhão de Kz por Participação Musical”

    Na terça-feira, (23), teve lugar em Luanda a conferência de imprensa para anunciar os vencedores da 4ª edição dos “Prémios Tigra Nova Garra”, uma...

    Miguel Neto declara que denominação “música folclórica” é pejorativa para Angola e defende o termo “tradicional”

    O jornalista angolano Miguel Neto declarou, nesta Segunda-feira (22), durante a rubrica "Momento Cultural" do programa A Tarde é Nossa da TV Zimbo, que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto