Gumastó lamenta abandono de artistas no estilo Kuduro

0
98

O kudurista Gumastó, também conhecido como “O último Betinho”, partilhou carta de reflexão nas suas redes sociais, onde lamenta o facto de haver muitos dos seus colegas a abandonarem o estilo, motivo que o deixa entristecido, e durante a carta aproveitou ainda para incentivar os colegas para mais união entre a classe artística.

“As vezes fico pensando que o Kuduro não tem sentido e nem lógica, muitos fizeram de tudo para que esse estilo permanece e ganhasse respeito no mercado depois disso uns abandonaram o estilo, outros faleceram e alguns ficaram doente, antigamente era todos contra todos a fazer o mesmo estilo, biffes, músicas bonitas enfim!”, lamentou.  

O kudurista, conhecido pelas suas performances irreverentes em várias actividades, lamentou o facto de alguns dos seus colegas abandonarem o estilo, tendo enveredado para outros rumos, onde uns até abandonaram os seus países de origem. O artista diz que o Kuduro já não é mesmo sem essas pessoas, e clama pelo retorno dos mesmos ao estilo. 

“Chegou momento que eu próprio não entendi e até hoje me pergunto, porquê é que muitos pararam de cantar? ex: Bruno M , Os caixas Baixas, Dj Sotão, Os Pp, Beto Ac, Coca Cola, Os Complicados, Os Granada $, Os Vagabandas , Nato p3, e separação de muitos grupos, chegou um tempo que muitos decidiram viajar a procura de outros rumos como: Manda chuva, fogo de Deus, Mulecada, Mulato chato, Francis boy, Puto Prata, Dog Murras, Tony Amado, para piorar a minha querida irmã que amo tanto, Samara Panamera, saudades de todos vocês, o Kuduro já não é o mesmo sem vocês todos, a cada dia vamos perder esse estilo e sentir fraqueza nisso, saudades de todos vocês, escrevo essa carta para os ausentes por favor voltem em nome do Kuduro“, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui