- Publicidade -

More

    Ivan Akexei: “Meu percurso artístico começou na igreja”

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Stella Cortêz

    O Músico, compositor e instrumentista Ivan Alekxei é um jovem formado em Engenharia Civil, natural da província do Cuanza-Norte, mas que viveu durante muito anos em Sá da Bandeira (Lubango), onde começou os primeiros passos no mundo da música, tocando como guitarrista no coro da igreja do qual fez parte.

    Jovem que sempre esteve ligado à música, confessou que é o único membro da sua família que segue esse trilho. “Por influência dos meus avós e do meu pai, sempre cresci a ouvir muita boa música. O meu percurso artístico começou na igreja, daí, só dei continuidade, após sair do gospel, conheci muitas referências de bons artistas como André Mingas e muitos outros que faziam músicas do estilo que eu gosto”. Ivan continuou ao dizer que actuou em bares, durante nove anos e fê-lo propositadamente pois precisava estar preparado para encarar o mercado da música a todos os níveis.

    Kamutupu é uma música que fez bastante sucesso nas casas de música, festas e discotecas. O homem multifacetado explicou como surgiu a ideia de criar o referido projecto:

    “Foi uma experiência que começou com os Dj’s Ricardo Alves, Smuck e eu. Como havia uma necessidade de ter coro em línguas nacionais, pensei no Gari Sinedima que é um amigo, parceiro e vizinho. Eu sou de Lubango, e como Namibe e Lubango estão interligados, então colocamos o Gari para fazer o refrão para unir as duas culturas, daí, nasceu então, a ideia de fazer o projecto Kamutupu”, disse o músico.

    Questionado se já pensou em cantar com alguém, Ivan Alexkei respondeu: “Sempre foi meu sonho fazer carreira a solo, compor os meus temas, não se trata de ser egoísta. Mas porque acredito que tenho capacidades de trilhar os meus passos sozinho. O autor do sucesso “Meu Cota”, frisou ainda que nunca pensou cantar um house, mas com o decorrer do tempo descobriu outras maneiras. “A partir do grupo MiCasa descobri que o house não era exatamente aquilo que se pintava cá em Angola, afinal existe também o Bit-house, um estilo que contém mais informações e musicalidade. Interessei-me porque obrigava a cantar e a ter uma voz em condições”. realçou

    Produzido e agenciado pelo Chico Viegas, Ivan Alexkei destacou que pretende lançar dois discos em simultâneo, sendo que um terá a produção acústica de Chico Viegas e no segundo o artista intende trabalhar com vários produtores. Alguns temas que têm haver com o álbum acústico, já estão gravados com os músicos: Kyaku Kiaddaf e Yuri da Cunha.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Banco Bic abre inscrições para o crescer juntos e homenageia empresas co-investidoras

    O Banco BIC abriu nesta segunda-feira, 17 de Junho, as inscrições deste ano para ONGs, Fundações e Associações que necessitam de recursos financeiros e...

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola É com imenso prazer que anunciamos a nossa...

    Jornalista Dalila Prata destaca-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt (Alemanha)

    Por: Luizão Cabulo A jornalista angolana Dalila Prata destacou-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt, Alemanha, representando Angola e a "TPA online"...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto