- Publicidade -

More

    Jéssica Pitbull não comparece na festa realizada em Windhoek e a organização exige o reembolso do dinheiro gasto

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Stella Cortêz

    Revisão: Canga Tomás

    A 300 Eventos convidou a cantora Jéssica Pitbull para actuar numa das suas festas com o tema “O Problema”, marcada para o dia 18 do mês em curso, na cidade de Windhoek, Namíbia, porém  a cantora não compareceu e a organização do referido evento exige o reembolso dos valores.

    “Nós contactámos a Guetto Produções para termos a actuação da cantora Jéssica Pitbull na festa que estava para decorrer no dia 18 de Agosto. Comprámos as três passagens, neste caso a da kudurista e dos agentes, Mestre Ara e DJ Kilamu, cada uma no valor de 116 mil Kwanzas e o pagamento pela actuação seria 50% pago no aeroporto de Windhoek e os outros 50% pagaríamos antes dela (Jéssica Pitbull) subir ao palco. Fizemos um screenshot das passagens já com os check-in feitos e mandámos para o Kilamu e perguntámos se estava tudo certo e a confirmação foi que sim,” disse Estevão Sebastião.

    O organizador do evento continuou ao dizer que, um dia antes, Adilson Mendes, que era a pessoa que mantinha contacto directo com o mestre Ara, tornou a perguntar se estava tudo a posto para a viagem e o agente da kudurista respondeu que, tanto ele como o Kilamu, não tinham talão de recenseamento militar e que a autora do hit “Bumbum no Rosto” não tinha cartão de vacina internacional. Para resolver o problema, contactámos o DJ Didinho, que também era convidado da festa, e ele prontificou-se em ajudar a tratar os talões de recenseamento militar e o cartão de vacina internacional. No dia que estava previsto o embarque da cantora, o Didinho telefonou para os agentes (Mestre Ara e Kilamu),ninguém atendeu as chamadas, telefonou  para a Jéssica e ela disse que estava à espera do sinal dos seus agentes. Até o momento, nem o Kilamu, nem o Mestre Ara não atendem as chamadas e nem explicaram quais foram os motivos que os fez perder o voo.

    “Nós somos um grupo sério, já estiveram aqui o grupo The Twins e o Preto Show e o procedimento foi o mesmo: 50% do pagamento foi feito no aeroporto, os outros 50% antes da actuação. Eles não dizem alguma coisa, não mandam mensagem, nem atendem os telefonemas. Fomos burlados! Queremos o nosso dinheiro das passagens de volta e mandaremos o recibo com o valor da hospedagem, porque temos esse direito de receber o que nos foi roubado,” disse o organizador do evento.

    O Platinaline contactou a Gueto Produções, e resolveram não comentar sobre o assunto.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Dom Caetano aborda dissabores com Carina Santos: “Se a cópia não convence, a música se esquece”

    Dom Caetano, com sua sólida argumentação, detalhou os dissabores que enfrentou com a artista Carina Santos devido à reprodução da música intitulada “Sou angolano”,...

    Banco BCS lança o seu primeiro fundo de investimento

    O Banco BCS, arrancou ontem com a subscrição de um fundo fechado especial de investimento em valores mobiliários, no valor global de 5.000.000.000 Kz. Destinado...

    Angola ocupa 4.ª posição no Ranking Africano de Futsal

    Por Helder Lourenço Após a recente realização do CAN`2024, em Rabat, Marrocos, Angola se destaca ao conquistar a quarta posição no ranking da Confederação Africana...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto