- Publicidade -

More

    Jovem pede indemnização à Clínica Sagrada Esperança por suposto erro cirúrgico

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Preso numa cadeira de rodas há 10 anos, Adilson dos Santos Campos é um jovem de 36 anos que terá sofrido um acidente de viação, em 2013, e em seguida foi socorrido e levado ao Hospital Militar, onde, dias depois, foi transferido para a Clínica Sagrada Esperança, sita na Ilha de Luanda, Avenida Murtala Mohamed. Entretanto, foi submetido a uma intervenção cirúrgica na coluna vertebral, que segundo o mesmo, que falava em entrevista ao PLATINALINE, não teve sucesso, pois, diferente de como deu entrada à Clínica, não sentia os membros inferiores.

    Inquieto, sugeriu aos pais que o transferissem para África do Sul, temendo que a situação se agravasse. Posto naquele país, a resposta não foi das melhores, tendo sido informado que não se podia fazer nada e tratava-se de uma paraplegia.

    Agastado com a situação, o mesmo pede à clínica que assuma os danos causados pelo erro cirúrgico, encontrando um meio-termo: “A clínica tem que assumir pelos danos causados, pelo erro médico. A clínica tem que achar um meio-termo em assumir os erros causados. Me refiro a uma indemnização, fazer um salário vitalício. Que faça alguma coisa, dá-me uma casa, carro para poder me locomover e eles arranjarem uma forma de eu fazer filho, porque eu não tenho filho”.

    Em busca do contraditório, a Clínica Sagrada Esperança esclarece, por meio de uma nota enviada à redacção do PLATINALINE, que foi contactada pelo utente oito anos após ter passado pela clínica, para reclamação, tendo sido realizadas reuniões com o mesmo, familiares e advogados no decurso da mesma. Pelo que, “a reclamação foi analisada, discutida e tratada de forma atenta por uma equipa de peritos em ortopedia e neurocirurgia que concluiu que a lesão estrutural que o utente apresenta e sobre a qual reclama já estava instalada à admissão, fruto do acidente de viação, e não do tratamento realizado. Os referidos resultados já foram apresentados ao utente e seus representantes”.

    Na mesma nota, a Clínica Sagrada Esperança destaca ainda que, “entende que os detalhes do caso não devem ser alvo de debate e augura que o utente, no direito que o assiste, formalize a sua queixa junto das autoridades do país, nos termos da lei, estando a CSE disponível a colaborar com os órgãos de soberania no esclarecimento da verdade”.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Evento com Leandro Karnal em Angola Tem Procura de Ingressos Recorde

    A febre pelo conhecimento e desenvolvimento pessoal dispertou muito interesse dos angolanos> ! O evento CONNECT, que traz o renomado historiador, escritor e professor...

    Pedro Gonçalves chega à marca dos 50 jogos com Palancas Negras

    Por: Helder Lourenço O seleccionador Pedro Gonçalves atingiu a marca dos 50 jogos como timoneiro da selecção nacional de Angola e descreve este marco como...

    Sérgio Moikano revela motivos que o levaram a sair do grupo “Deixaram-me no Zango 8 mil, saí de lá de candongueiro às 3h, só...

    Durante uma entrevista feita, recentemente, no programa 'A Tarde é Nossa', da Tv Zimbo, o kudurista angolano Sérgio Moikano revelou verdadeiramente os motivos que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto