- Publicidade -

More

    Kid Mc sobre os 3G do Rap nacional: “As pessoas não estão distraídas quanto à qualidade do meu trabalho”

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Hélio Cristóvão

    Com 16 anos de carreira e oito obras discográficas, entre elas seis álbuns, uma MixTape e duas EPs, Kid Mc, rapper de intervenção social, falou em entrevista ao PLATINALINE sobre a presença do seu nome nos 3G do Rap nacional, representando, assim, a sua geração.

    O rapper, mentor da produtora Cave Play, começou por dizer que recebeu a notícia sem grande espanto, tendo noção do alcance que o seu trabalho possui e pelos votos que recebe do público. “Deu para perceber que as pessoas não estão distraídas quanto à qualidade do meu trabalho. Esperava sim. Acompanhei um pouco a votação e vi o meu nome a ser citado muitas vezes. Com base nisso, quero, desde já, agradecer aos amantes do RAP que votaram para mim e por confiarem uma vez mais no meu talento.” Disse.

    O rapper continuou ao dizer que tal reconhecimento significa que o esforço que tem imprimido na concepção das suas obras não tem sido em vão e que o seu trabalho continua a ser bem recebido, fora o amor que os angolanos nutrem por si. “Na minha opinião, os outros dois nomes que fazem parte da lista são referências inquestionáveis do RAP Angolano. O Kool Klever por ser um Professor Rapper do nosso estilo, cujo tempo não diminuiu a sua qualidade artística, e o Kelson Most Wanted por ser um dos símbolos da nova geração que mais imprime qualidade nos seus trabalhos”, reconheceu o artista.

    Kid Mc frisou, ainda, que a responsabilidade de fazer bom Rap sempre fez parte da sua política de trabalho. “Sou muito exigente comigo mesmo e tento sempre fazer da excelência a minha meta mínima. Ainda faço hits com o Boom Bap, mesmo nesta fase em que o Trap é predominante”, disparou.

    Questionado se é merecedor de tal reconhecimento, o autor de “Sombra” disse: “Tem-se dito que a voz do povo é a voz de Deus, e se foi o público que assim preferiu, é porque tenho o suficiente para estar entre os 3G do Rap Nacional. Aos fãs que me colocaram neste trio, eu digo: Muito Obrigado! É a pensar nos vossos ouvidos que eu me dedico bastante para escrever o que escrevo.” Finalizou.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Shopping fortaleza incentiva as crianças a adoptarem práticas sustentáveis

    Com o objectivo de educar e entreter as crianças neste mês especial, o Shopping Fortaleza disponibilizou gratuitamente uma série de actividades que promovem valores...

    Passing Toloba pede ao Presidente da República que institua o Dia Nacional do Kuduro em Angola: “Por favor”

    Por: Sara Rodrigues Através dos microfones do PLATINALINE, o controverso kudurista Passing Toloba apelou ao Presidente da República, João Manuel Gonçalves Lourenço, para instituir uma...

    Eduardo Paim “chora” após singela homenagem de Calado Show

    Por: Helder Lourenço O consagrado Rei da Kizomba, Eduardo Paim, emocionou-se ao ser homenageado num evento intimista em Luanda pelo humorista Calado Show. Com palavras...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto