Lorenzo Campos vence em Itália o Troféu Vortex ROK Cup 2021

0
323

Lorenzo Campos acabou hoje de fazer história, ao ser o primeiro piloto africano a vencer o mítico Troféu Vortex ROK Cup da categoria Mini, disputada no circuito italiano de Lonato. Numa categoria onde alinharam 108 pilotos, formando assim um extraordinário pelotão em quantidade e qualidade, o piloto de Angola, apesar de arrancar da 9.a posição na Final, conseguiu mostrar a sua rapidez e talento até conquistar o lugar mais alto do pódio. Memorável…

Um mês depois de ter feito a estreia oficial pela sua nova equipa, a Energy Corse, Lorenzo Campos conquistou, este fim de semana, a sua primeira grande vitória com as cores da formação italiana, ao bater toda a concorrência no emblemático Troféu Vortex ROK Cup da categoria Mini, classe onde começaram a despontar alguns dos talentos que atualmente alinham na Fórmula 1, como Max Verstappen ou, mais recentemente, Lando Norris, só para citar dois exemplos.

“Estou focado sempre em dar o meu melhor dentro e fora das pistas de forma a gradualmente poder ter mais resultados positivos e dar alegrias ao meu País. Obrigado por todas as mensagens e telefonemas que recebi. Estou muito grato”, agradeceu.

O piloto angolano já tinha mostrado o seu talento logo na primeira prova que realizou pela Energy Corse, entre 15 e 19 de setembro, precisamente no circuito italiano de Lonato, a contar para Open Cup das World Series Karting (WSK). Na altura, perante 101 adversários, Lorenzo Campos conseguiu o 2.o melhor tempo da sua série nos treinos cronometrados, ficando a escassos 46 milésimos de segundo de conquistar pole-position, tendo, contudo, na Pré-Final, sofrido um toque que ditou o ingloriamente o seu abandono.

Agora, no também concorrido Troféu Vortex ROK Cup, que começou na passada terça-feira e terminou hoje, Lorenzo Campos mostrou a sua resiliência, dado que nos primeiros dias viu muitos dos seus adversários a revelarem-se mais rápidos, mas, sem baixar os braços, juntamente com a sua equipa, encontraram o ‘set-up’ ideal, para lutarem pela vitória. Na Final, apesar de partir da nona posição, o jovem piloto de apenas 11 anos de idade, soube gerir a corrida e foi recuperando lugares até alcançar a liderança, para não mais a largar até ver a bandeira xadrez. “A minha estreia pela Energy Corse já tinha sido muito positiva e, pouco tempo depois, consegui agora vencer aqui em Itália, o que é fantástico. Estou muito contente com o trabalho que temos feito e vou continuar a trabalhar cada vez mais para ter mais apoios e assim ter uma carreira no desporto automóvel”, sublinhou Lorenzo Campos.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments