- Publicidade -

More

    Luanda acolhe  19ª edição do Festival Internacional de Banda Desenhada e Animação de 4 a 19 de Agosto de 2023

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios



    Sob o lema “Economia Azul”, a 19.ª edição do Festival Internacional de Banda Desenhada e Animação, realizada pelo Estúdio Olindomar, foi aberta para o público apreciador nesta Sexta-feira (4), no Instituto Camões (Angola) e no Belas Shopping. Durante 15 dias haverá exposição de cartoons e banda desenhada (BD), debates, venda e sessões de autógrafos de livros e revistas de BD, exibição de filmes de animação, palestras e sessões de caricaturas ao vivo.

    O festival, que existe há cerca de duas décadas, congrega pessoas de todas as idades e mantém a sua tradição de acolher participantes de outros países. Nesta edição, o evento conta com 50 expositores, dos quais, estão os artistas Lúcio Oliveira e Rafael Coutinho (Brasil), Moiyola Boyka e Jéremie Nsingi (RDC).

    Na ocasião, o director do Estúdio Olindomar, Lindomar de Sousa, explicou que a escolha do tema “Economia Azul” tem a ver com o facto de, há cerca de três anos, vêm abordando questões ambientais e, para esta edição, houve a necessidade de se olhar também para os recursos marítimos.

    “Pensamos naturalmente na economia Azul, pois, mundialmente, a economia está com muitos problemas, (…) claro, nós pensamos no internacional. Há uma necessidade de analisarmos, mais de 60% do planeta terra é constituído por água e nós não exploramos esse lado como deve ser em Angola, principalmente, estamos muito preocupados com agricultura e o petróleo. Temos que olhar também os recursos marítimos, olhemos também para essa questão muito séria de recursos marítimos por haver muita gente que depende deles”, explicou.

    Refira-se que o nível de organização do festival cresce periodicamente, assim como a representatividade de diferentes estilos (em caricatura, cartoon, filmes de animação, etc.). A adesão de outros estúdios nacionais que produzem banda desenhada surpreendem a cada edição, resultando, hoje, numa marca inequívoca quer para o público apreciador, quer para os parceiros e patrocinadores que continuam fiéis ao nobre compromisso de se promover e apreciar a arte.

    Por: Nunes Hebo
    Foto: Carlos Cristóvão

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Africell lança campanha de diversificação de agentes com foco na criação de novos negócios:

    | A Africell está a abrir as suas portas para que empresas e particulares se tornem Agentes de Recargas Electrónicas (EVC) da Africell numa...

    ZAP proporciona momento mágico a mais de 170 crianças de lares Vidas ZAP com o grande “Show do Panda E Os Caricas”.

    Luanda, 11 de Junho de 2024 – No dia 7 de Junho, a ZAP reuniu mais de 150 crianças, na acção Vidas ZAP "Show...

    Guitarrista Texas cobra 50 mil kwanzas para colaborações musicais

    Por: Helder Lourenço O guitarrista angolano Texas revelou, em entrevista ao programa "Dia Alegre" da Platina FM (96.8), que cobra apenas 50 mil kwanzas por...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto