- Publicidade -

More

    “Me Sente” o criador de moda sucesso em Angola

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Me Sente é o nome da marca do estilista Avelino nascimento, filho de uma costureira da era colonial, Avelino Nascimento ganhou o gosto pela costura com apenas seis anos acompanhando os passos da mãe e foi nesta altura, sem dar conta começou a enveredar para o mundo da Moda, com essa idade já tinha noção daquilo que queria. Começou pelas roupas de bonecas que fazia para as crianças vizinhas, como era ainda pequeno punha-se em pé na máquina de costurar e cosia as roupas, ganhava dinheiro com isso e com dez anos já estava a fazer a sua primeira colecção de roupa para adulto, quatro anos depois já tinha a colecção pronta.

    Por ser muito alto entrou mais cedo para o mundo das passerelles, com treze anos, mas sempre considerou as passerelles um hobby porque a sua prioridade desde mais novo foi sempre a costura. Com catorze anos apresentou a colecção no programa Janela Aberta em Outubro de 2001, o mais novo no mundo da moda a apresentar uma colecção para adultos. Essa apresentação de Avelino foi a primeira de muitas que se sucederam, pois abriu-lhe muitas portas. No mesmo ano foi convidado para o Moda Luanda e depois conseguiu marcar presença no Angola Fashion Week e daí nunca mas parou.

    O estilo de “me sente” é caracterizado por ser um estilo bastante jovial e muito tribal, com uma linhagem totalmente diferente mais virada para o lado sensual e ao mesmo tempo clássico. Não foi por acaso que Avelino Nascimento foi eleito o melhor criador do ano de 2011 no Moda Luanda, um evento que enaltece a moda angolana.

    “Me sente” é identificar-se, é sentir-se bonito(a) sem opinião de terceiros. Uma marca que já recebeu vários prémios e indicações, o criador acredita que só conseguiu chegar até onde chegou e alcançar o sucesso por ser uma pessoa forte e persistente, que sempre teve a certeza de um rumo diferente na sua vida, cresceu com as barreiras e hoje encara o mundo com serenidade.

    Um dos grandes projectos do estilista é ter um grande atelier que não vista só angolanos, chegar as passerelles internacionais e fazer alta-costura, pronto-a-vestir a um preço razoável. Disse em primeira mão ao platinaline que vai fazer uma colecção de roupas transparentes para dizer que a transparência não tem falsidade. Apesar do nome que acarreta encontra ainda barreiras no mundo da moda, um mundo que diz ser um meio de falsidade. Avelino gosta de pessoas transparentes e procura afastar-se de quem não o é.

    Quanto ao mundo da moda o criador é de opinião que em Angola a Moda não tem o patamar que devia ter “muitas vezes dá-se mais importância aos modelos que vestem a roupa do que propriamente ao criador, assim como dá-se mais valor aos estilistas internacionais”

    Para se estar nesse mundo é necessário muito amor pelo que se faz disse-nos Avelino, acrescentando que “somos o que comemos e o que vestimos”

    Share this
    Tags

    A Bombar

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    Florêncio Handanga homenageia legado musical do pai com lançamento de “Ya papa”

    Florêncio Handanga, filho do saudoso músico Justino Handanga, irá lançar uma nova música intitulada “Ya papa” no próximo dia 18 de Maio, como uma...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Visit arnan.me

    Mais como isto