- Publicidade -

More

    Miguel Lemos, o homem que agita as noites do Lubango

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    “Hoje o Kopus Club é uma referência internacional” 

    Kopus Club, é a grande referência das noite do Lubango, cidade de clima frio, mas que tem sido animada e dinamizada por esta casa nocturna. A liderar o projecto está Miguel Lemos, um jovem empresário incansável, que busca a perfeição em cada detalhe. Ambicioso, Miguel é o oposto da juventude. Gosta de formar e acredita ter a equipa de trabalho dos sonhos.

    mauro

    O que é ser responsável da melhor casa nocturna de uma cidade como Lubango?

    É uma grande satisfação e palavras já não existem para descrever o que sinto. Graças a Deus o Kopus é uma referência Nacional  e Internacional, o que, apenas incentiva-me a não desistir e continuar a fazer o melhor no que diz respeito ao entretenimento.

     

    Então considera-se líder de mercado?

    Somos e pretendemos ser por muito mais tempo.  Mas, é claro, precisamos que surjam mais espaços, e que as pessoas tenham mais opções de escolhas.

    São oito anos de existência da casa, teve momentos de amargura?

    Foi quando abrimos o espaço como discoteca. Durante quatro anos, não havia na cidade uma única discoteca, os momentos de diversão centravam-se apenas em festas. O meu grande desafio foi incutir na mente das pessoas a cultura de sair a noite. Num mês a casa ficava cheia uma única vez. É claro que, isso obrigou-me a mudar a estratégia e ser mais persistente. Fazer momentos apenas para as mulheres, e os homens irem atrás. Hoje quando realizamos um evento temos sempre casa cheia.

    De certeza absoluta que pelo Kopus Club já passaram grandes nomes do music hall nacional?

    Posso arriscar e  dizer mesmo que, por aqui já passaram as grande referencias da música nacional. Temos uma parceria com a produtora líder de mercado e as portas estão sempre abertas para os artistas.

    Há muito pessoal estrangeiro a visitar a casa?

    Este sim é fantástico, é daqueles em que a pessoa quando vai dormir, não para de sorrir.  Quer em termos dos visitantes, quer das pessoas que convidamos para animar a casa. É fantástico.

    Como vê a casa nos próximos tempos?

    A cidade está a crescer muito rápido e, se não conseguirmos acompanhar este crescimento, podemos ser ultrapassados.  Dentro de quatro ou cinco anos vejo uma casa  mais profissional com melhores trabalhadores. Em termos de espaço, já não podemos alargar mais, mas podemos crescer para cima. São muitos os projectos muito bons, a longo prazo, e neste espaçamento serão concretizados.

    Também tem sofrido alguma descriminação face actividade que exerce, como empresário no ramo da diversão nocturna?

    Infelizmente as pessoas ainda não levam a sério o trabalho nocturno, principalmente porque saem para se divertir. Não encaram esta actividade como um negócio a sério.  Particularmente,  luto para que as pessoas mudem este conceito. O trabalho nocturno, é muito mais sério do que qualquer outro porque, antes de gerirmos a casa, estamos a gerir pessoas. Vêm para a discoteca, consomem álcool, alteram-se isso é maior responsabilidade. As pessoa têm de olhar para a noite com outros olhos.

    Qual o projecto de sonho do Miguel Lemos?

    Não me vejo a trabalhar fora da noite. Ainda há muita coisa por se fazer. Já tenho 30 anos e estou com o projecto do Kopus Bar desde os 21 e sinto já um certo cansaço.  Mas ainda não há um projecto, forte, que me faça esquecer a casa.

    13543609_1INj7

     

    Anilorca Sorrab 

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Restos mortais de Ângelo Victoriano repousam na Santa Ana

    Os restos mortais do antigo basquetebolista Ângelo Victoriano repousam, desde hoje, quarta-feira, no cemitério do Santa Ana, em Luanda. Ângelo Victoriano, o segundo angolano a...

    Coca-Cola e Química Verde levam água potável à província do Bengo com Biofiltros

    Por Sara Rodrigues Fotógrafo: Joaquim Manuel A Coca-Cola, em parceria com a Química Verde, implementou nesta quarta-feira, 17 de abril, uma iniciativa para proporcionar água potável...

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto