A Miss Angola 2015, Whitney Shikongo, anunciou nesta sexta-feira à noite, em Luanda, que vai aproveitar o seu reinado para apoiar crianças desfavorecidas, associar-se aos programas de luta contra a sida e defender os “valores humanos”.

Em declarações à imprensa, depois da sua eleição, a futura candidata de Angola ao Miss Universo informou que as suas iniciativas começam na próxima semana, na sua terra natal: Huíla.

Avançou que a agenda para os próximos dias inclui ainda a realização de um “Natal Solidário”, dia 23.

Quanto a homenagem feita à mulher rural, durante a gala, considerou-a oportuna e acrescentou que “este grupo social deve ser o centro das atenções”.

“Não obstante o sofrimento que passam, as mulheres rurais são, em muitos casos, a base do sustento de muitas famílias. O reconhecimento a este factor deve ser permanente. É de louvar a iniciativa do Comité Miss Angola”, afirmou.

Whitney Shikongo substitui Zuleica Wilson, a detentora da coroa em 2014.

A ex-Miss Angola agradeceu durante a gala, ao despedir-se do público, o apoio do Comité Miss Angola e dos patrocinadores, que a ajudaram a desenvolver as acções de solidariedade.

“Este é somente o começo de uma nova etapa da minha vida. Ser Miss foi muito interessante, porque permitiu-me aprimorar o meu sentido solidário. Neste período visitei muitas comunidades, achei interessante como algumas pessoas sentem-se felizes com o pouco que têm. Até breve!”, despediu-se Zuleica Wilson.

 

2U4A9091.jpg2U4A9093.jpg2U4A9094.jpg2U4A9095.jpg