- Publicidade -

More

    Morreu a voz que acordava Luanda com o ” Balumuka” . “Amaro Fonseca”.

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Morreu, neste sábado, em Luanda, vítima de doença, o jornalista da Rádio Nacional de Angola (RNA-E.P), Amaro Fonseca.

    Segundo o Conselho de Administração da RNA-E.P, o profissional se encontrava internado numa clínica em Luanda.

    Na sua nota, a RNA-E.P avança que Amaro Fonseca notabilizou-se no jornalismo radiofónico ao desmistificar a arte de informar, colocando um destaque maior às línguas nacionais, em particular a língua Kimbundo, num dos programas com maior audiência em Luanda, o programa Balumuka, da Rádio Luanda.

    Amaro Fonseca nasceu em 1955, na localidade de Ambaca, província do Cuanza Norte.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Nelo Jazz lamenta falta de programas educativos na TV: “Não há nenhum programa de educação”

    O veterano ator Nelo Jazz, conhecido pela sua inesquecível interpretação como Papá Ngulo, lamentou recentemente a ausência de programas educativos na televisão, especialmente no...

    Desconhecimento do limite de 16 km para pagamento de 200 Kz nos táxis gera controvérsia entre taxistas e passageiros

    Por: Ernesto Jaime  A recente decisão do Ministério dos Transportes de ajustar a tarifa dos táxis para 200 Kwanzas para um limite de 16 km...

    Dog Murras reflecte sobre nova estratégia de marketing de artistas: “… nossa sociedade está doente”

    Por: Nunes Hebo A tendência de alguns artistas criarem situações antes do lançamento de um projecto parece estar longe de terminar, pois, na medida que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto