- Publicidade -

More

    Naomi Campbell abre desfile da Boss em Milão com rapper Future

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Em movimento de retomada de mercado, sob nova direção criativa, a Boss voltou às passarelas nesta temporada em modo motocross, ocupando o Velódromo de Milão com Naomi Campbell abrindo a passarela.

    A supertop dá o peso de respeito no mundo da moda, mas o street da marca italiana se agarra em um segmento muito mais contemporâneo no casting para atrair as atenções do público jovem que tem como alvo — incluindo influencers e tiktokers antes improváveis para desfiles, como @khaby00. Se a vontade é de viralizar, os gritos na arquibancada e a multidão de genzers na porta do show parecem dizer que a estratégia funciona. São estes os heróis de hoje, afinal.

    Com direito a globos da morte com pilotos selvagens no cenário, a inspiração motociclista nem tenta ser sutil — seja nas jaquetas e paletós com referências a esse mundo, usáveis, ou os capacetes decorados e coloridos, ali para dar show. As duas rodas estão fortes no imaginário pop jovem, principalmente por conta da cantora Rosalía. Mas nem por isso a Boss cai no mundo fácil do sportswear massificado.

    Mantém sua alfaiataria, que é o que sabem fazer bem, em tons sóbrios mas com cortes contemporâneos, oversized e alongados, ou com proporções cropped, em camadas. Nenhum jovem vai subir numa moto usando um deles — nem os vestidos, sexy e recortados. Mas o mood (e os posts) estão mais do que prontos.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    BPC Alcança Lucro de 105,8 Mil Milhões Kz em 2023 Após 7 Anos de Prejuízos

    Após um período de sete anos enfrentando prejuízos, o Banco de Poupança e Crédito (BPC) conseguiu encerrar o ano de 2023 com um resultado...

    Tunjila Tuajokota lamenta falta de convites em eventos: “já não nos querem convidar”

    O grupo musical folclórico angolano, Tunjila Tuajokota, expressou, em entrevista ao Platinaline, nesta Quinta-feira (29) de Fevereiro, a sua preocupação com a falta de...

    Carlos Morais fala sobre a Possibilidade de Voltar a Jogar pela Seleção Nacional: “Se Eu Tivesse a Oportunidade, Eu Iria”

    Há quase um ano sem vestir a camisola da seleção nacional sénior masculina de basquetebol, o que tem gerado debates entre os analistas desportivos,...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto