Luta de Título em Noite Especial

A madrugada de sábado para domingo, 7, será histórica para Africa e para os aficionados do MMA do continente, pois o nigeriano Israel Adesanya pode fazer história no UFC.

O ‘The Last Stylebender’, que actualmente detém o título dos médios, vai lutar contra o campeão dos meio-pesados ​​Jan Blachowicz.

Caso o invicto Adesanya triunfe, ele será o quarto homem a ser campeão em duas divisões simultaneamente e quinto lutador geral (depois de Conor McGregor no UFC 205, Daniel Cormier no UFC 226, Amanda Nunes no UFC 232 e Henry Cejudo no UFC 238), bem como o oitavo lutador a ganhar um título em diferentes divisões.

O lutador de 31 anos entra na luta cheio de confiança – respeitoso com a ameaça de Blachowicz, mas acreditando que já superou adversários mais duros na carreira dos médios: “Para ser honesto, fiz lutas mais difíceis”, disse Adesanya.

Mesmo no peso médio, no medidor de ameaças, em dez eu vou deixa-lo cair – ele é um competidor sólido – então talvez tipo sete. Um 7,5, sim, é uma pontuação honesta, eu daria isso a ele. Há certas coisas que me preocupam, mas sim, é apenas mais um adversário. Só mais um dia.

O polonês de 37 anos fará a sua primeira defesa de título e prometeu acabar com a invencibilidade de Adesanya com um KO: “Vejo o KO no segundo round. Pontapé esquerdo alto na cabeça. Isso é o que eu vejo, sim.

A luta principal de Blachowicz-Adesanya será a mais aguardada da noite, contudo, teremos outras duas e outros títulos estarão em disputa no UFC 259. Na categoria feminina Amanda Nunes vai procurar continuar o seu domínio no Peso-Pena feminino quando enfrentar Megan Anderson, enquanto Petr Yan fará a primeira defesa do cinturão Peso-Galo num confronto contra Aljamain Sterling.

A gigante australiana Anderson espera que a sua vantagem de alcance e uma troca poderosa possam derrubar um dos grandes nomes do UFC: “Eu pessoalmente adoro essa luta e acho que depois das duas últimas lutas de Amanda, meio que destruindo todas, mesmo tendo ela dominando Germaine (De Randamie) no chão, eu sinto que ela ainda é uma mortal“, disse Anderson.

Depois que ela venceu Cris (Cyborg) e aplicou um KO a Holly (Holm), ela meio que tinha essa invencibilidade, mas eu acho que Germaine realmente mostrou que se pode vencer Amanda com uma boa troca de golpes.”

Estes grandes combates de MMA poderão ser vistos em directo e em exclusivo na SuperSport, na DStv.

MMA: UFC 259 – Inicio da Transmissão:

02:00: Preliminares – AO VIVO no SuperSport Maximo 1

– Premilinar: peso.galo: Petr Yan v Aljamain Sterling

– Co-principal: peso pena feminino: Amanda Nunes v Megan Anderson

– Evento principal: meio-pesado: Jan Blachowicz x Israel Adesanya