- Publicidade -

More

    Nova CIMANGOLA contratou mais de 500 trabalhadores directos nos últimos 2 anos

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A Nova Cimangola, empresa que emprega actualmente 1170 trabalhadores directos, integrou nos seus quadros mais de cinco centenas de novos profissionais nos dois últimos anos. Do total de trabalhadores, 95% são angolanos, distribuídos por diversas funções, designadamente em postos de decisão.

    Esta informação foi sistematizada e divulgada pela Administração da Nova Cimangola no decorrer da Semana da Indústria, evento no qual o Ministro da tutela, Rui Miguêns, revelou que nos últimos quatro anos o sector gerou 750 mil postos de trabalho, o que corresponde a 4,5% da população activa do país.

    Com duas fábricas 100% operacionais, no Cacuaco e no Sequele, suportadas por armazéns e centros logístico distribuídos de Norte a Sul do país, a Nova Cimangola é a empresa cimenteira com mais tradição em Angola e a que mais aposta na inovação e no desenvolvimento. Produz cimento, calcário, cinzas volantes, argamassas e clinker, produtos comercializados a granel, em big bag ou em saco.

    Vende a produção de ambas as fábricas em Angola e em mercados externos, designadamente em países como o Gana, Camarões, Togo, gabão, Benin, Costa do Marfim e Brasil, contribuindo para a dinamização das trocas comerciais intra-africanas.
    Cimenteira líder do mercado nacional e maior exportadora do sector, a Nova Cimangola prepara-se agora para produzir cimento verde e para a substituição térmica de combustíveis derivados de resíduos, apostas tecnológicas que vão contribuir não só para tornar mais competitivo o preço final junto do consumidor, como para aumentar a cadeia de valor da empresa.

    Produzir Cimento Verde

    Um dos projectos em curso, e no qual a inovação vai ao encontro dos desígnios do Governo de Angola, chama-se LC3 e visa produzir cimento amigo do ambiente ou cimento verde, que incorpora uma maior quantidade de argila calcinada, obriga a um menor consumo de energia e de água, e contribui para a mais longa conservação das pedreiras nacionais.
    Contribuir para a gestão racional dos recursos naturais e para a preservação do ambiente é um dos pilares da actuação da Nova Cimangola, que há muito contribui para a preservação da biodiversidade, e que aposta em controlar a qualidade da água que utiliza no fabrico de todos os produtos, na educação ambiental dos seus trabalhadores e das comunidades em que está inerida, na gestão de resíduos, no controlo dos recursos (água, energia e combustível), e no controlo dos níveis de emissão de gases para a atmosfera.

    Osvaldo
    Osvaldo
    Editor da Platina Line
    Share this
    Tags

    A Bombar

    BPC Alcança Lucro de 105,8 Mil Milhões Kz em 2023 Após 7 Anos de Prejuízos

    Após um período de sete anos enfrentando prejuízos, o Banco de Poupança e Crédito (BPC) conseguiu encerrar o ano de 2023 com um resultado...

    Tunjila Tuajokota lamenta falta de convites em eventos: “já não nos querem convidar”

    O grupo musical folclórico angolano, Tunjila Tuajokota, expressou, em entrevista ao Platinaline, nesta Quinta-feira (29) de Fevereiro, a sua preocupação com a falta de...

    Carlos Morais fala sobre a Possibilidade de Voltar a Jogar pela Seleção Nacional: “Se Eu Tivesse a Oportunidade, Eu Iria”

    Há quase um ano sem vestir a camisola da seleção nacional sénior masculina de basquetebol, o que tem gerado debates entre os analistas desportivos,...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto