- Publicidade -

More

    Palhaço Cartucho leva campanha filantrópica “Giro nas aldeias” a sete províncias do país

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Hélio Cristóvão 

    O conhecido profissional que tem intenção de divertir o público infantil, Palhaço Cartucho, leva a cabo a campanha filantrópica denominada “Giro nas aldeias”. A iniciativa consiste na realização de visitas escolares em zonas rurais do país, com o objectivo de promover o exercício colectivo da solidariedade no auxílio às instituições de ensino. 

    A acção iniciou, em 2020, como campanha de Natal, com arrecadação de alimentos não perecíveis, roupas e brinquedos, e ao longo do tempo o trabalho ampliou e transformaram-se em campanha solidária.

    “Sempre foi o meu foco fazer trabalhos filantrópicos. Viajei recentemente para Benguela onde fizemos doação para 700 crianças, foi nesta altura que senti a necessidade de estar nas aldeias, não ali onde estava. Fizemos outras viagens, desta vez nas aldeias, e as crianças ficaram completamente felizes, daí vem o maior querer em continuar a visitar as aldeias e de abraçar essas crianças”, disse em entrevista ao PLATINALINE.

    Mais do que levar diversão para as crianças das aldeias em sete províncias do país, nomeadamente: Huambo, Namibe, Huíla, Malanje, Uíge, Bié e Cuanza-Sul, Palhaço Cartucho preparou momentos religiosos, palestras sobre diversas temáticas e, principalmente, a passagem de conhecimento sobre a importância da solidariedade na infância.

    “A solidariedade é uma coisa que precisa ser ensinada desde o nosso nascimento, por não ser uma disciplina nas escolas eu decidi levar para as aldeias a filantropia, o conhecimento e a diversão à todas as crianças de Angola”, pontuou.

    Para a concretização da campanha, Palhaço Cartucho solicitou a ajuda de grandes marcas que se identificaram com o valor social da iniciativa e decidiram apoiar, como é o caso da Pumangol, que se responsabilizou pelas passagens de toda a equipa do Palhaço Cartucho nas sete províncias de Angola por onde vai passar, para além da hospedagem e alimentação.

    “O impossível tornou-se possível na minha vida porque fui persistente em querer estar perto deste núcleo de trabalhos úteis.”

    Não obstante, a marca de alimentos “Uami” colaborou, através de doações de produtos para alimentar as crianças. A cozinha “Cozy Bar” doou 600 unidades de cadernos e a igreja Pentecostal (Morro Bento) também prestou o seu apoio para a concretização do projecto.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Banco Bic abre inscrições para o crescer juntos e homenageia empresas co-investidoras

    O Banco BIC abriu nesta segunda-feira, 17 de Junho, as inscrições deste ano para ONGs, Fundações e Associações que necessitam de recursos financeiros e...

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola

    Clénio & Clésio Gomes são os mais recentes acionistas do Luanda City, equipa recentemente promovida ao Girabola É com imenso prazer que anunciamos a nossa...

    Jornalista Dalila Prata destaca-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt (Alemanha)

    Por: Luizão Cabulo A jornalista angolana Dalila Prata destacou-se no 21º Fórum Meteoclimatic no Média Workshop em Darmstadt, Alemanha, representando Angola e a "TPA online"...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto