- Publicidade -

More

    Ready Neutro considera “ridículo” TVs barrarem artistas vestidos com suas marcas

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Aquando da sua participação ao podcast “Goza TV”, o rapper e empreendedor, Ready Neutro, relembrou um dos episódios em que foi barrado numa televisão nacional, por estar vestido de sua marca, o que considerou estúpido e ridículo.

    De acordo com o artista, quando os músicos vão às cadeias televisivas, eles cantam de favor e dão audiência, então, seria normal promoverem lá as suas marcas. Para Ready Neutro, proibir um artista vestido de sua marca e aceitar artista com marcas internacionais é estúpido e ridículo.

    “Mas é estúpido, mano, quando tu proíbes uma cena nacional e depois você vê lá artista com marcas internacionais. (…) O que a Versace ou a Gucci pagam para eles? isso é ridículo! Então, alguém tem que fazer diferente, eu preferi bazar”, disse.

    Importa referir que a proibição de artistas vestidos de suas marcas nas TVs centra-se na ideia de não se fazer publicidade gratuita às marcas, pois, as TVs ganham com publicidade. Actualmente, a proibição também se estende até às marcas internacionais com logos muito visíveis.

    Por: Nunes Hebo

    Share this
    Tags

    A Bombar

    BAI apresenta soluções de financiamento às Pequenas e Médias Empresas

    O BAI – Banco Angolano de Investimentos S.A., em parceria com a Associação Industrial de Angola (AIA), realiza em todo o país, durante o...

    Cle Entertainment e Erque Chabango Rent Car Unem Forças para Apoiar a Cultura e Juventude Angolana

    Nesta segunda-feira, duas das maiores empresas em seus respectivos setores em Angola anunciaram uma importante parceria com foco no apoio à cultura e juventude...

    Hélio Taveira reconhece crescimento profissional da ex-companheira de programa “Stela de Carvalho”

    Por: Nunes Hebo Ausente dos holofotes há alguns anos, o ex-apresentador do programa “Viva a Tarde”, do canal Zap Viva, Hélio Taveira, reconheceu, recentemente no...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto