- Publicidade -

More

    Sérgio Rodrigues expõe as dificuldades que passa como profissional da comunicação social

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Sara Rodrigues

    Muito se diz que a Comunicação Social não é uma profissão para quem almeja tornar-se rico.

    O apresentador de televisão Sérgio Rodrigues revelou ao PLATINALINE que, ao longo da sua trajectória enquanto comunicador de TV, a sua maior dificuldade sempre foi sustentar a imagem com o pouco dinheiro que lhe é pago.

    Sérgio exteriorizou que era suposto ser somente apresentador, mas segundo a nossa realidade, quem exerce esta profissão é obrigado a fazer muitas outras coisas para se autossustentar, e para que os filhos não morram de fome.

    “A maior dificuldade sempre foi tentar sustentar a pessoa do Sérgio com o dinheiro que sempre ganhamos, que nunca valeu nada. Ter que fazer outras coisas em vez de ser somente apresentador, fazer mil e uma coisas para não morrer de fome, para fazer com que os filhos não passassem dificuldades e não deixassem de estudar, porque ao lado do apresentador tem a vida, e a vida continua”, esmiuçou.

    Sérgio Rodrigues explicou que foram estas as dificuldades que travou nesses anos todos, enquanto profissional na área da Comunicação Social.

    “Eu posso estar na televisão, posso sorrir, posso apresentar programa, mas tenho uma arca em casa que tem que ter comida, tenho um carro que tem que ter combustível, tem filhos que têm que estudar e eu tenho que ter saúde”, explicou.

    Apesar de ter dito tais palavras, o renomado apresentador da Televisão Pública de Angola afirmou que no nosso país é possível viver da Comunicação Social, todavia, desde que o profissional não pense em alcançar riquezas.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Divisão de Luanda dará surgimento a uma região Litoral

    A província de Luanda poderá ser dividida em uma região Litoral, com a excepção de Cacuaco, e uma outra que vai comportar os municípios...

    Angola paga USD 176 milhões da sua dívida com FMI

    Cerca de 176 milhões de dólares norte-americanos é o valor que o Governo angolano já pagou ao Fundo Monetário Internacional (FMI) desde 2021 até...

    Feira da saúde Pumangol apoia gratuitamente população carenciada

    No distrito urbano do Benfica Luanda, 21 de Junho de 2024 – A Pumangol arrancou hoje com a Feira de Saúde Anual, que decorre de...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto