- Publicidade -

More

    TV Brasil Vence Prémio com Windeck A Primeira Novela Africana na Televisão Brasileira

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A Tv Brasil venceu o prémio “Camélia da Liberdade” na categoria veículos de comunicação pela exibição da telenovela Windeck, a primeira telenovela africana na televisão brasileira.

    O prémio é atribuído às instituições e personalidades que promovem actividades no âmbito da afirmação do negro no Brasil.

    Grace Mendes e Edusa Chindecasse estiveram presentes na cerimónia celebrada no passado dia 25 de Março, para receber o prémio. Comovida, Grace revela “a forma comos as pessoas nos vêm cumprimentar e felicitar pelo nosso trabalho é muito especial, estamos a passar uma mensagem extremamente importante para o Brasil”.

    O impacto gerado pela telenovela surpreende a direcção do canal “Temos tido uma surpresa muito positiva com as audiências em alguns estados onde a população negra não é a maioria, por exemplo o rio grande do sul os números têm sido muito bons” afirma Asdrubal Figueiró, Director de Conteúdo e Programação da EBC.

    Com o sucesso de Windeck a parceria entre a Semba Comunicação e a Tv Brasil pode alargar ainda mais os horizontes da ficção nacional.

     

    windeck2.jpgwindeck3557.jpgwindekc3.jpgwindekck1.jpg

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Divisão de Luanda dará surgimento a uma região Litoral

    A província de Luanda poderá ser dividida em uma região Litoral, com a excepção de Cacuaco, e uma outra que vai comportar os municípios...

    Angola paga USD 176 milhões da sua dívida com FMI

    Cerca de 176 milhões de dólares norte-americanos é o valor que o Governo angolano já pagou ao Fundo Monetário Internacional (FMI) desde 2021 até...

    Feira da saúde Pumangol apoia gratuitamente população carenciada

    No distrito urbano do Benfica Luanda, 21 de Junho de 2024 – A Pumangol arrancou hoje com a Feira de Saúde Anual, que decorre de...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto