- Publicidade -

More

    Yola Semedo faz vibrar mais de 300 pessoas na Casa 70

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Artista angolana Yola Semedo

     

    Mais de trezentas pessoas se renderam, na noite de terça-feira, pelo talento e vasto repertório da cantora angolana Yola Semedo no primeiro de três espectáculos, que artista está a realizar na Casa 70.

     

    Num ambiente com muita luz e som de qualidade, a vencedora do Top dos Mais Queridos 2010, subiu ao palco ao ritmo da faixa “És o poder” que levantou a plateia formada por jovens e adultos, todos fãs da cantora.

     

    A cantora bem secundada pela sua banda, que a acompanha na sua trajectória a solo, constituído maioritariamente pelos integrantes do grupo Impactus 4, foi buscar do seu “arquivo” os antigos sucessos “Dream boat”, “Sem você”, “Dias da semana”, “Kiero vivir” e “I wanna be”, temas românticos e cadenciados, de forma a levantar a plateia.

     

    Yola Semedo levantou a assistência com os temas “Sou feliz”, “Vou dançar”, “Mufete” (música do artista André Mingas” e”Desliga”, num dueto com a cantora Pérola, tendo interpretado de forma humorística, sendo bastante aplaudidas pela assistência.

     

    A artista, no seu inglês bastante apurado interpretou o tema “All night long”, “Marido infiel”, “Mar azul”, onde fez dueto com Daniel Nascimento que brindou a plateia com os seus toques característicos.

     

    Subiu ao palco ainda o cantor Matias Damásio que com a artista da noite, Yola Semedo, fizerem parceira nas músicas “País novo”, e “Injusta”, tendo a artista encerrado o show de quase duas horas com o sucesso dos anos 90 “Magui”, quando cantava no grupo Impactus 4.

     

    Subiram ao palco da Casa 70, alguns cantores convidados da anfitriã da noite que fez alguns duetos, tendo conquistado a plateia, que obrigou Yola Semedo a prometer repetir o mesmo espectáculo para o segundo dia de show.

     

    Nesta empreitada, Yola Semedo, foi acompanhada pelos instrumentistas Jorge Semedo (guitarra), Alcino Semedo (bateria) Eduina Semedo (baixo) João Paulo (percussão) Vanessa Tabares (piano) Ivan de Sousa (piano) Nelo Paim (teclado) e as coristas Malú Baptista, Sara Demo e Caxuxa.

     

    Yola Moutofa Coimbra Semedo nasceu na cidade do Lobito (Benguela) a 8 de Maio de 1978. É vencedora do prémio de melhor intérprete feminina e álbum do ano 2010, pela produtora Step Model.

     

    Conquistou o prémio de “Voz de Ouro de África” (1995) em representação de Angola no festival organizado pela Unesco, na Bulgária. Foi considerada melhor voz feminina de Angola por três vezes (2000, 2006, 2007).

     

    Ganhou o prémio de Balada do ano (2006), melhor intérprete feminina, duas vezes (2006, 2007), diva do ano em 2007 e 2008.

    Conquistou a edição 2010 do Top dos Mais Queridos, uma realização da Rádio Nacional de Angola.

     

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Restos mortais de Ângelo Victoriano repousam na Santa Ana

    Os restos mortais do antigo basquetebolista Ângelo Victoriano repousam, desde hoje, quarta-feira, no cemitério do Santa Ana, em Luanda. Ângelo Victoriano, o segundo angolano a...

    Coca-Cola e Química Verde levam água potável à província do Bengo com Biofiltros

    Por Sara Rodrigues Fotógrafo: Joaquim Manuel A Coca-Cola, em parceria com a Química Verde, implementou nesta quarta-feira, 17 de abril, uma iniciativa para proporcionar água potável...

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto