- Publicidade -

More

    Angola ganha nova Unidade Hospitalar no Catapa

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Angola ganhou nesta quarta-feira (27) mais uma unidade hospitalar, na província do Uíge, inicialmente destinado ao tratamento de casos da Covid 19, mas adaptado para funcionar como municipal.

    O Hospital do Catapa, que foi hoje inaugurado pelo Presidente da República, João Lourenço, na província do Uíge, tem uma área de construção de cerca de 2 500 m2, envolvido numa área 6.000 m2 de espaços verdes de 1 200 m2 de arruamentos. A unidade foi construída pela empresa ACAIL, que teve início há cerca de um ano.

    O novo hospital do Catapa tem noventa camas, distribuídas por uma unidade de cuidados intensivos com dez camas com ventiladores, monitores de sinais vitais, bombas infusoras, monitores de Hemodiálise. Comporta ainda duas unidades de cuidados intermédios (masculino e feminino) com vinte camas e sete enfermarias com cinquenta camas, uma das quais pediátrica.

    É também constituído por um Laboratório, Sala de Raio X, Sala de Ecografia, Sala de pequena cirurgia, Farmácia, Esterilização, Consultórios, Armazém, Lavandaria, Morgue, Unidade de Incineração, Refeitório, Serviços administrativos, Dormitórios e outros em disposição.

    Por: Natalicio Gaspar

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Casal presidencial passeia pelas dunas do Parque Nacional do Iona

         O Presidente da República andou de moto nas dunas do Parque Nacional do Iona. Um momento de descontracção com o qual lançou um...

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto