Cantora Selda apresenta "Morena de Cá"

0
337
A cantora angolana Guiselda Tainaira Salgueiro Portelinha, de nome artístico “Selda”, vai apresentar no próximo sábado, dia 14 deste mês, em Luanda, a sua primeira obra discográfica denominada “Morena de Cá”.
De acordo com a cantora, a obra visa apresentar ao público em geral, a Comunicação Social e aos músicos da nossa praça, no sentido de dar a conhecer o trabalho produzido por ela e a todos os elementos que transformaram este disco numa realidade.
O disco conta com 12 faixas musicais, dos quais quatro promocionais respectivamente, Aquela Rua, Palavras Doces, Apaixonada e Mufete, esta última homenageia o falecido músico André Minga.

Selda frisou que consta deste disco músicas inéditas, com a composição de grandes músicos da nossa praça como Felipe Zau, Felipe Mukenka, Totó, Guiselda e compositor e crítico Jomo Fortunato.

Quanto à música angolana, esta salientou que tem-se notado muita diversidade de estilos e dança, que contribuem para a diversidade na nossa cultura e não só, peço que daqui há mais oito anos a música dará saltos significantes.

Questionada sobre o estilo de música, disse ser versátil, pelo facto de se rever em vários estilos desde que estejam de momento, para este disco conta com o estilo morna, boca nova, massemba e jazi

Disse igualmente que o disco foi gravado no Rio de Janeiro e contou com a participação de Paulo Matumina e Toty. Teve como pordutor Chico Viegas.
“Morena de Cá” vai ser vendido e autografado nos dias 21 e 22 deste mês no Parque da Independência, no Belas Shopping e Hotel Calor Tropical.

A contora nasceu na província do Huambo, mas foi a partir dos 12 anos, já na capital do país, teve os primeiros contactos com a música, influenciada pelo avó que cantava fado, pelo pai que foi Dj e free lance da RNA e o tio o músico Toy Salgueiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui