- Publicidade -

More

    Cemitério Alto das Cruzes foi pequeno demais para o último adeus à Bangão

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

     Restos mortais de Bangão foram hoje  a enterrar  no Alto das Cruzes

    Os restos mortais do músico angolano Bernardo Jorge “Bangão” foram nesta quinta feira a enterrar, no cemitério do Alto das Cruzes, em Luanda. O artista morreu neste domingo (17) na África do Sul vítima de doença.

    O programa das exéquias reservou   uma missa de corpo presente que teve lugar no pavilhão da Cidadela Desportiva.

    Os grupos carnavalescos Kiela e Kabocomeu, do Distrito Urbano do Sambizanga, juntaram-se, para receber as pessoas que foram ao Cemitério Alto das Cruzes, para o último adeus ao filho Bernardo Jorge Correia “Bangão”, uma das maiores referências do Sambizanga, que foi a enterrar na tarde desta quinta-feira.

    Eram 13h35, quando o corpo do malogrado entrou para o cemitério, onde foi recebido por mais de mil pessoas, com lágrimas nos rostos, a entoarem algumas das músicas como “kakixaca”, “fofucho”, “”kibuikila”, que fizeram e fazem as delicias dos amantes da música angolana.

    O Cemitério do Alto das Cruzes e arredores foi pequeno demais para a moldura humana que esteve presente na despedida do “professor do semba”, como era chamado Bangão.

    A urna desceu ao buraco às 14h00, depois das leituras dos elogios fúnebres da UNAC e dos familiares do cantor, envolta de choros, abraços, enquanto o cantor Tino Silva cantava algumas músicas de Bangão.

     A cerimónia contou ainda com as presenças da ministra da Cultura, Rosa Cruz e Silva, o governador de Luanda, Graciano Domingos, o presidente da Comissão Administrativa de Luanda, José Tavares, o presidente da UNAC, Arnaldo Calado, representantes de partidos políticos, deputados da Assembleia Nacional, familiares, amigos e colegas de profissão.

    Com 36 anos de carreira, Bangão pisou pela primeira vez um palco a 18 de Outubro de 1978, como elemento do grupo os Gingas.

    Na sua carreira artística passou pelo agrupamento “Tradição”, em 1974, que integrava, entre outros, Alaito (tumbas) e André Lua (voz).

    O ano 2003 consagrou Bangão como um dos maiores intérpretes da música popular angolana. Neste ano, no Top Rádio Luanda, ganha os prémios da música do ano, com o tema “Fofucho”, voz masculina do ano e é reconhecido com o prémio preservação pela sua incessante defesa da música popular angolana.

    Em 2005 venceu o Top dos Mais Queridos, da Rádio Nacional de Angola (RNA).

    Nascido a 27 de Setembro de 1962, no bairro Brás, no actual distrito urbano do Sambizanga, em Luanda,  Bangão integrou entre 1976 a 1977, como vocalista, o grupo Processo de África, com Guncha (tumbas), Artur Décimo (viola baixo), Alaito (bateria) e Abílio (viola ritmo)

     

     

    bangao_enterro-14.jpgbangao_enterro-15.jpgbangao_enterro-16.jpgbangao_enterro-17.jpgbangao_enterro-18.jpgbangao_enterro-19.jpgbangao_enterro-20.jpgbangao_enterro-21.jpgbangao_enterro-22.jpgbangao_enterro-23.jpgbangao_enterro-24.jpgbangao_enterro-25.jpgbangao_enterro-26.jpgbangao_enterro-27.jpgbangao_enterro-28.jpgbangao_enterro-29.jpgbangao_enterro-30.jpgbangao_enterro-31.jpgbangao_enterro-32.jpgbangao_enterro-33.jpgbangao_enterro-34.jpgbangao_enterro-35.jpgbangao_enterro-36.jpgbangao_enterro-37.jpgbangao_enterro-38.jpgbangao_enterro-39.jpgbangao_enterro.jpg

    bangao_enterro-2.jpgbangao_enterro-3.jpgbangao_enterro-4.jpgbangao_enterro-5.jpgbangao_enterro-6.jpgbangao_enterro-7.jpgbangao_enterro-8.jpgbangao_enterro-9.jpgbangao_enterro-10.jpgbangao_enterro-11.jpgbangao_enterro-12.jpgbangao_enterro-13.jpg

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Primeira loja da marca oficial Cavalinho inaugurada em Luanda

    A marca “Cavalinho” inaugurou, nesta Quinta-feira (11), em Luanda, no Distrito Urbano do Benfica, a sua primeira loja de acessórios de moda e artigos...

    Presidente João Lourenço e Ana Dias irradiam simpatia na 10ª edição dos Prémios SIRIUS

    O Presidente João Lourenço e a Primeira Dama, Ana Dias, foram os destaques da noite durante a gala da 10ª edição dos Prémios SIRIUS....

    Reverendo angolano Paulo de Carvalho recebe certificado de Mérito pela Universidade de Oxford

    Por: Sara Rodrigues Mais um angolano a elevar o nome de Angola e a ganhar destaque lá fora. Trata-se de Paulo de Carvalho da Conceição,...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto