- Publicidade -

More

    Consultor de vendas Armando Gomes afirma que “empreendedor que dá certo em Angola pode dar certo em qualquer outro país”

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Durante uma entrevista ao programa Bem-vindos emitido na RTP África, a partir de Portugal, o consultor de vendas Armando Gomes considerou difícil o exercício do empreendedorismo em Angola devido a inúmeros factores que impedem o andamento normal desta actividade.

     

    “Empreender em Angola não é fácil. O empreendedor que dá certo em Angola pode dar certo em qualquer outro país”, disse o consultor, tendo apontado a questões burocráticas e algumas situações socio-políticas e econômicas como sendo os maiores entraves para os empreendedores locais.

     

    Além da burocracia, um outro factor que muito tem dificultado os empreendedores angolanos, segundo Armando Gomes, é a inflação que muitas vezes encosta estes profissionais contra a parede no que concerne aos preços. Apesar do esforço que se tem investido para mudar este quadro, o sistema de atendimento institucional no país ainda precisa melhorar muito.

     

    “Eu já passei por muitas e más experiências enquanto enpreendedor, principalmente quando é para tratar papeladas. Por exemplo, um documento que levaria 30 minutos para ser tratado pode durar meses, e se não tiveres algum conhecido lá dentro, pior ainda. Portanto, com o tempo, fui percebendo que o nosso mercado funciona a base de
    Networking, que só tens acesso facilitado a certas instituições se te indicarem alguém”.

     

    Armando Gomes continuou ainda: “Apesar destas falhas a nível das instituições que lidam com os empreendedores, ainda vamos a tempo de melhorar, ainda temos muito pela frente, e acredito que é possível inverter o quadro”.

     

    Nascido aos 5 de Maio de 1991, na província de Luanda, Armando Gomes é consultor de vendas e escritor. É por muitos considerado uma fonte de inspiração profissional no ramo de Consultoria de Venda, e é até agora uma das poucas referências que o mercado angolano tem na área acima mencionada.entrevista à RTP África.

     

     

    Durante uma entrevista ao programa Bem-vindos emitido na RTP África, a partir de Portugal, o consultor de vendas Armando Gomes considerou difícil o exercício do empreendedorismo em Angola devido a inúmeros factores que impedem o andamento normal desta actividade.

     

    “Empreender em Angola não é fácil. O empreendedor que dá certo em Angola pode dar certo em qualquer outro país”, disse o consultor, tendo apontado a questões burocráticas e algumas situações socio-políticas e econômicas como sendo os maiores entraves para os empreendedores locais.

     

    Além da burocracia, um outro factor que muito tem dificultado os empreendedores angolanos, segundo Armando Gomes, é a inflação que muitas vezes encosta estes profissionais contra a parede no que concerne aos preços. Apesar do esforço que se tem investido para mudar este quadro, o sistema de atendimento institucional no país ainda precisa melhorar muito.

     

     

    “Eu já passei por muitas e más experiências enquanto enpreendedor, principalmente quando é para tratar papeladas. Por exemplo, um documento que levaria 30 minutos para ser tratado pode durar meses, e se não tiveres algum conhecido lá dentro, pior ainda. Portanto, com o tempo, fui percebendo que o nosso mercado funciona a base de
    Networking, que só tens acesso facilitado a certas instituições se te indicarem alguém”.

     

    Armando Gomes continuou ainda: “Apesar destas falhas a nível das instituições que lidam com os empreendedores, ainda vamos a tempo de melhorar, ainda temos muito pela frente, e acredito que é possível inverter o quadro”.

    Nascido aos 5 de Maio de 1991, na província de Luanda, Armando Gomes é consultor de vendas e escritor. É por muitos considerado uma fonte de inspiração profissional no ramo de Consultoria de Venda, e é até agora uma das poucas referências que o mercado angolano tem na área acima mencionada.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Restos mortais de Ângelo Victoriano repousam na Santa Ana

    Os restos mortais do antigo basquetebolista Ângelo Victoriano repousam, desde hoje, quarta-feira, no cemitério do Santa Ana, em Luanda. Ângelo Victoriano, o segundo angolano a...

    Coca-Cola e Química Verde levam água potável à província do Bengo com Biofiltros

    Por Sara Rodrigues Fotógrafo: Joaquim Manuel A Coca-Cola, em parceria com a Química Verde, implementou nesta quarta-feira, 17 de abril, uma iniciativa para proporcionar água potável...

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto