- Publicidade -

More

    Corpo de bombeiros nega ruptura da tubagem nas redes de distribuição de água como causa do desabamento do edifício na Av. Comandante Valódia

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por: Hélio Cristóvão

    O porta-voz nacional do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros, Félix Domingos, desmentiu hoje, durante uma conferência de imprensa, as causas apresentadas pela empresa proprietária do edifício que desabou na madrugada de Sábado, 25 de Março, FUNDINVESTE, que, segundo um relatório publicado ontem, esteve na origem do desabamento uma possível ruptura da tubagem nas redes de distribuição de água do edifício vizinho, que teria contribuído para a “perda de capacidade de suporte do solo de fundação”, de acordo com um relatório do Laboratório de Engenharia de Angola.

    De acordo com Félix Domingos, o relatório sobre uma possível ruptura da tubagem nunca antes havia sido apresentado, sublinhando que entidades indicadas deverão investigar a real causa para posteriormente apresentar um relatório final.

    “Foram ouvidas as partes e nunca houve este relatório, tanto é que as causas foram apontadas de forma prematura… Há entidades indicadas para procederem o relatório final e constatar quais factores estiveram na base do desabamento deste edifício. No entanto, descartamos aqui toda a possibilidade de que este comunicado tornado público pela instituição proprietária do edifício condiga com a verdade. Ficou aqui esclarecido que devemos aguardar, nos próximos momentos, que se faça um relatório com maior substância para se aferir que situações estiveram na base da demolição deste edifício.” Pontuou.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Casal presidencial passeia pelas dunas do Parque Nacional do Iona

         O Presidente da República andou de moto nas dunas do Parque Nacional do Iona. Um momento de descontracção com o qual lançou um...

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto