Elon Musk não irá integrar a administração do Twitter

0
316

A compra de 9,2% de ações do Twitter fez de Elon Musk o maior acionista da empresa. Esta notícia avançada a semana passada foi seguida de várias informações, entre elas a possibilidade do homem mais rico do planeta fazer parte do conselho de administração da empresa.

No entanto, fica hoje esclarecido que Elon Musk não irá integrar a administração do Twitter, segundo a sua vontade.

Elon Musk afasta-se da administração do Twitter

Foi através de um tweet que Parag Agrawal, CEO do Twitter, deu a conhecer a vontade de Elon Musk em se manter afastado do conselho de administração da empresa, mesmo sendo o seu atual maior acionista, com uma participação de 9,2%.

Este anúncio surge dias depois de a própria empresa ter anunciado a nomeação de Musk para a administração da empresa, que deveria ter sido oficializada no passado dia 9 de abril. Mas nesse dia, a proposta foi recusada pelo próprio.

 

Segundo se pode ler no comunicado, o CEO da empresa considera que esta será mesmo a melhor opção para a empresa, ainda se mantenham abertos às opiniões do magnata.

 

Ele é o nosso maior acionista e permaneceremos abertos à sua opinião “Opiniões é o que não lhe falta”.

 

As sugestões direcionadas à rede social Twitter na verdade nunca faltaram por parte de Elon Musk. Para quem o acompanha, já o terá visto em diversas circunstâncias a atirar ao ar algumas sugestões de ajustes que poderiam ser feitas na plataforma.

No entanto, desde há uma semana que essas opiniões ganharam uma importância acrescida.

Entre os dias 9 e 10 de abril, o CEO da Tesla partilhou um conjunto de tweets onde fez algumas sugestões de recursos a serem alterados ou adicionados à rede social. Por exemplo, colocou a hipótese de os utilizadores que assinarem o Twitter Blue terem acesso a uma verificação automática – esta, por sua vez, deverá ser diferente para utilizadores com alguma relevância, figuras públicas e contas oficiais. Além disso, esses assinantes deveriam também parar de receber anúncios.

 

Num outro tweet, Elon Musk sugeriu que o pagamento das subscrições do Twitter Blue devia ser feito através da moeda criptográfica Dogecoin. Mais do que isso, questionou os utilizadores, provavelmente em tom jocoso, relativamente à retirada do “w” da palavra Twitter, algo que acabou por remover.

 

Já antes tinha falado que iria trazer à plataforma o botão editar tweets, algo que aliás parece que irá acontecer em breve.

 

 

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments