- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Facebook é a causa de um em cada três divórcios

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

     

    facebook_breakup

    um dos motivos são as mensagens ao sexo oposto!

    Já muito se tem escrito acerca do Facebook. Notícias boas ou menos boas, marcam aquela que foi sem dúvida a rede social mais bem sucedida e que muito dificilmente outra conseguirá possuir a mesma popularidade. No entanto, o uso do Facebook pode levar a consequências extremas, como demonstra um estudo inglês, onde a rede social é a causa de um em cada três divórcios.

     

    Parece que o Facebook não veio ser uma simples rede social… mas revelou-se ser muito mais que isso! Não só nos aproximou de amigos que se encontram do outro lado do Mundo, como também conseguiu afastar quem está mesmo ao nosso lado.

    Esta é a conclusão de uma pesquisa realizada pelo site especializado Divorce-Online, que dá conta que os casais do Reino Unido se estão cada vez mais a separar devido à rede social Facebook, uma vez que a citam como causa e motivo dessa separação.

    Os resultados mostram que 33% das pessoas que pedem divórcio citam o Facebook como a principal causa do mesmo. O site procedeu à mesma pesquisa em 2009 e o número de pessoas que citavam o Facebook era de 20% na altura. Pode-se, portanto, referir que cada vez mais as pessoas de estão a divorciar devido à rede social.

    Os queixosos, indicam, entre as principais razões, o comportamento dos cônjuges com o sexo oposto na utilização do Facebook, bem como o facto de estes utilizarem a rede social para fazerem comentários acerca dos seus ex-companheiros.

    O Divorce-Online indica como três principais motivos:

    1. Mensagens impróprias a utilizadores do sexo oposto;

    2. Mensagens desagradáveis acerca de ex-companheiros;

    3. Amigos do Facebook a comentarem o comportamento do cônjuge.

    Por sua vez o Twitter apenas foi indicado em 20 processos, dos 5.000 analisados pelo site, e na sua maioria, as queixas recaiam em comentários sobre os ex-companheiros do cônjuge, nos tweets.

    Segundo o porta-voz do Divorce-Online, Mark Keenan “As redes sociais têm-se tornado na principal ferramenta de comunicação, ultrapassando o texto e o email, na minha opinião. Se alguém quiser ter um caso ou flirt com o sexo oposto, então é o melhor lugar para o fazer. Também o uso do Facebook para fazer comentários, para os amigos, acerca de ex-companheiros se algo tornou extremamente comum para ambos os lados, usando o Facebook para desabafar e mostrar as suas mágoas um contra o outro”. No entanto adverte que “As pessoas precisam ter cuidado com o que escrevem nos seus murais, pois os tribunais vêem essas mensagens a ser usadas como disputas financeiras e nos casos de crianças como uma evidência.” [Divorce-Online]

     

     

    Fonte: http://pplware.sapo.pt/

    Share this
    Tags

    A Bombar

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    Florêncio Handanga homenageia legado musical do pai com lançamento de “Ya papa”

    Florêncio Handanga, filho do saudoso músico Justino Handanga, irá lançar uma nova música intitulada “Ya papa” no próximo dia 18 de Maio, como uma...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto