- Publicidade -

More

    Festival da Canção dedicado a Tonito

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    O director artístico da 14ª edição do Festival da Canção de Luanda, que se realiza amanhã, no Cine Atlântico, em Luanda, Paulo Costa, disse ao Jornal de Angola que a presente edição apresenta várias inovações.

     

     


    A principal novidade prende-se com a decisão de todos os concorrentes interpretarem canções escritas pelo compositor Tonito. Há outras inovações, que vão permitir oferecer ao público um espectáculo mais rico do ponto de vista da cenografia, iluminação, bem como da componente artística.

     

     


    Paulo Costa considerou mais relevante a homenagem que a emissora Luanda Antena Comercial (LAC), que organiza o festival, vai fazer ao conceituado compositor e cantor Tonito, “um dos melhores da sua geração”, frisou.

     

     


    Seleccionados através de um casting, os concorrentes Albertina Augusto interpreta “Monami Xiku”, Pedro, Manuel e Magnum cantam “Monangabé”, Luzia Sampaio canta “Nzala”, Valdemar Cabadi interpreta “Marimbondo” e Teresa Fedão “Mundengue uami”.

     

     


    Concorrem também Garibaldino Sinedima, com “Menino Triste”, Linford Gaspar, “Caminho do mato”, Mundiako Samba, “Palamé”, Marilda Samba, “Malalanza” e Euclides e Viegas interpretam “Kie kie kie kiukitukila”.
    Com direcção musical de Mário Garnacho, os candidatos vão ser acompanhados por Gato (Percussão), Tony Sá (guitarra), Joel (bateria), Vando Moreira (baixo) e Mário Garnacho (piano). O director artístico considerou as canções em concurso como históricas, que marcaram uma época em que o autor estava no auge, “sendo um dos artistas mais contestatários da repressão colonial”, frisou, tendo dito que a selecção das mesmas foi feita por uma comissão que integrou o próprio autor. 
    Sobre as motivações que levaram a LAC a pôr a concurso canções de um único compositor, Paulo Costa disse tratar-se de uma inovação, evitando que se reproduza anualmente coisas estáticas.


    “Tudo começa pelo palco, com estrutura mais leve. A disposição dos músicos, a cenografia e as luzes vão ter uma nova face, como resultado de soluções que permitam oferecer maiores opções ao público e aos ouvintes da LAC”, disse.
    Pelo facto de todos os candidatos interpretarem canções de Tonito, segundo Paulo Costa, a avaliação para o Grande Prémio da Canção vai depender da expressão em palco, voz, indumentária e interpretação, pondo de parte a componente “letra”, que nas edições anteriores era tida como indispensável para a eleição do vencedor do festival.
    Além do Grande Prémio da Canção, são eleitos o LAC Unitel, votação feita pelos ouvintes, e o prémio de Melhor Voz. Ao contrário das edições passadas, desta vez os candidatos vão ser chamados por “voz off”, seguida da imagem em tela com dados biográficos. 
    Paulo Costa salientou que os concorrentes vêm do concurso Estrelas ao Palco, também organizado pela LAC em parceria com a Televisão Pública de Angola e não têm experiência de actuar com bandas. Trata-se da primeira vez e estão conscientes de estarem a trabalhar num projecto muito sério ligado à história do país e da música angolana, em particular.

    O espectáculo

    O espectáculo começa às 21 horas, com o hino do festival, seguido da actuação de Kweno Ayonda, o vencedor da edição passada.
    Antes do despique musical, que vem logo a seguir, os apresentadores vão falar da votação do prémio LAC/Unitel.
    Aos que vão enfrentar o palco vão ser-lhes dados três minutos para demonstrarem toda a vocação musical. Entre os atractivos mais esperados do espectáculo, constam a subida de Tonito ao palco para a sua distinção e o momento da rapsódia com o tema “Casamento Só Pra Quê”, representação da Companhia de Teatro Horizonte NJinga Mbandi, com canções e danças à mistura. 
    A divulgação do vencedor desta 14ª edição, antecipa a subida de Paulo Flores, como convidado especial, para fechar a noite, também considerado um dos momentos mais esperados do festival.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “Mulher detida em Luanda após acumular dívida milionária em hotel de luxo

    Uma mulher de 36 anos assumiu uma identidade falsa de empresária e se hospedou em um hotel de luxo na região do litoral sul...

    “SIC desmantela rede de falsificação de dólares provenientes da RDC em Angola”

    O Serviço de Investigação Criminal (SIC) desmantelou uma rede de indivíduos angolanos que colaboravam com estrangeiros para introduzir dólares falsificados no país, provenientes da...

    Pinóquio: A Verdadeira História” traz emoção e diversão a 31 de Maio no ZAP Cinemas

    Luanda, 23 de Maio de 2024 – A emocionante estreia de "Pinóquio, a História Verdadeira" no ZAP Cinemas traz uma nova e divertida abordagem...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto