- Publicidade -

More

    Festival O Sol da Caparica está de volta

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Festival O Sol da Caparica está de voltaO maior festival de verão dedicado à música lusófona regressa de 17 a 20 de agosto de 2023
    O Sol da Caparica volta ao Parque Urbano da Costa da Caparica de 17 a 20 de agosto para a sua 8.ª edição. Quatro dias de sol, praia, boa música e muita animação para público de todas as faixas etárias. Uma edição que se apresenta renovada, preparada para proporcionar ao público a melhor experiência no maior festival dedicado à música de expressão portuguesa. Do pop ao hip hop, do rock à música africana, todos os géneros musicais vão ecoar durante os dias de festival, através dos muitos artistas da Lusofonia que passarão pelos 5 palcos existentes este ano, no recinto. O roteiro de palcos do Sol da Caparica será ritmado pelo Palco Dom Tápparo para todos os gostos, o qual se destaca por juntar diferentes artistas com uma caraterística em comum: estão nos tops das rádios e streams. A animação está garantida pela sua diversidade e qualidade. 

    No Palco Kavi Music o som urbano e os ritmos quentes e dançantes africanos são as duas pautas que aqui se farão ouvir nestes dias. Mas não só…Este ano o pagode, sertanejo e o funk vão também aquecer o recinto no Palco LS&Republicano que promete levar a plateia ao rubro e a tirar o pé do chão, e convidar os festivaleiros a interagir com os artistas. O Sol da Caparica é um festival feito de pessoas para pessoas, conhecido por cultivar a diferença artística e também por dar visibilidade a novos talentos. Pela primeira vez, o Palco Red Tazz será o lugar de destaque de artistas da música e das promessas da língua portuguesa. Um espaço que procura dar palco à cultura e promover o talento nacional. Afigura-se como a voz da nova geração, servindo de montra para privilegiar a novidade e a qualidade da nova música. 

    E porque um bom festival não se faz só de música, para além de várias atrações pelo recinto, o Festival contará com o Palco Matrizauto, de comédia e de dançaque dará asas à imaginação e ao movimento corporal, totalmente dedicado à dança e à comédia com a curadoria de Jel e da escola de dança Jazzy Dance Studios, onde também passarão alguns dos melhores nomes da comédia nacional e bailarinos que proporcionarão battles e performances de diferentes estilos.  Para que a experiência seja ainda melhor e mais “à portuguesa” enaltecendo mais o que o que é nacional, num festival todo ele português, uma das maiores novidades desta edição é a Vila do Vinho. Um espaço onde os visitantes terão oportunidade de degustar e saborear alguns dos melhores vinhos, muitos deles premiados além-fronteiras de quatro regiões vitivinícolas de Portugal.  Arena Super Bock e a Arena Somersby são também apenas alguns dos muitos destaques, naquele que é um festival imperdível. Aqui o público poderá relaxar e assistir aos concertos do Palco Dom Tápparo e do Palco Kavi Music.  Produzido pelo Grupo Chiado, em parceria com a Câmara Municipal de Almada, O Sol da Caparica é um festival muito acarinhado pelo público num dos locais mais icónicos do município de Almada que se diferencia pela sua diversidade musical e cultural.  Os bilhetes para o Festival estarão à venda a partir do dia 4 de abril nos locais habituais. O bilhete individual diário varia entre os 20€ para maiores de 65 e os 26€. Existem preços especiais para os recenseados do concelho de Almada a 22€/dia. O festival disponibiliza também diferentes passes para os 4 dias : Passe 4 dias adulto = 75€:Passe Familiar (Inclui Dia Criança) – 2 Adultos e 2 Jovens Até Aos 16 Anos = 145€;Passe 4 Dias Recenseados Concelho Almada (Inclui Dia Criança) = 63€;Passe 4 Dias Maiores de 65 Anos (Inclui Dia Criança) = 60€ 
    Share this
    Tags

    A Bombar

    Ampliação e melhoria dos serviços obrigam transferência da Administração do Kilamba para K.K. 5000

    A partir do dia 22 do mês em curso, a Administração do Distrito Urbano do Kilamba irá transferir os seus serviços para o antigo...

    Telma Lee diz que os momentos mais difíceis da carreira foram quando se envolveu em polémicas: “Várias vezes pensei em desistir”

    Durante uma entrevista feita no programa Dia Alegre, da PLATINA FM (96.8), na manhã desta Quarta-feira (17), a cantora angolana Telma Lee disse...

    Anderson Mário conta que no início da carreira alguns familiares cogitaram que usaria feitiço para ter sucesso

    Por: Nunes Hebo Na nossa sociedade, são muitos os registos de se associar o sucesso, sobretudo, artístico, a práticas de feitiçaria. Quem diz passar...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Visit arnan.me

    Mais como isto