- Publicidade -

More

    IFC e Hemera Capital Partners apoiam o Mercado obrigacionista de Angola

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Uma nova parceria anunciada ontem, 17 de Junho, pelo IFC e pela Hemera Capital Partners, ajudará Angola a fortalecer o seu mercado de capitais e a canalizar novas fontes de financiamento para  empresas do país que necessitem de capital de giro.

    O IFC e a Hemera Capital Partners trabalharão com os vários intervenientes do mercado para estruturar um veículo de investimento que irá impulsionar a negociação no mercado secundário de obrigações do país. O objetivo é atrair mais investidores locais e internacionais. O IFC e a Hemera Capital Partners esperam que o veículo de investimento seja lançado nos próximos meses, sujeita à aprovação pela gestão e conselho de administração de ambas organizações.

    “Estamos muito satisfeitos em cooperar com o IFC nesta iniciativa. O mercado de capitais em Angola, ainda que numa fase inicial de desenvolvimento, tem o potencial para impulsionar o sector privado de Angola”, afirmou Miguel Raposo Alves, PCA e Administrador Executivo da Hemera Capital Partners.

    Os mercados de capitais locais podem proteger uma economia dos fluxos de capitais voláteis, reduzir a dependência de um país da dívida externa bem como fornecer financiamento de risco, aumentando o acesso ao financiamento a longo prazo e em moeda local, para o sector privado, um factor-chave para o crescimento das empresas e geração de emprego.

    O governo Angolano é actualmente o único emitente activo de obrigações no país, enquanto que as instituições financeiras têm sido as principais investidoras nestas obrigações. A recessão recente, causada pela queda do preço do petróleo e exacerbada pela COVID-19, levou a uma crise de liquidez no mercado secundário de obrigações. As empresas que detêm títulos públicos, a maioria devido a regularização de atrasados pelo Estado, enfrentam dificuldades para negociar e convertê-los em dinheiro devido ao número limitado de compradores. Estima-se que o mercado de Obrigações do Tesouro emitido para a regularização de atrasados ande em torno de 1,5 mil milhões de dólares norte americanos.

    “O mercado de capitais de dívida é um mecanismo importante para dar uso da poupança interna – nomeadamente, a que é gerida por fundos de pensões e outros investidores institucionais – para financiar empresas produtivas na economia local”, disse Adel Meer, Manager do Departamento Global de Upstream para instituições financeiras do IFC.

    “O veículo de investimento, quando implementado, ajudará a canalizar liquidez tão necessária às empresas privadas e representará um passo importante no desenvolvimento do mercado de capitais local como fonte de financiamento para o sector privado de Angola”, disse Hector Gomez Ang, Country Manager do IFC para Angola.

    A iniciativa insere-se num esforço regional do IFC, que envolve trabalhar com reguladores, autoridades locais e participantes do mercado de capitais em toda a África, para apoiar o desenvolvimento dos mercados de capitais locais. O IFC promove o desenvolvimento dos mercados de capitais locais através da emissão de obrigações em moeda local e da concessão de empréstimos, swaps e produtos estruturados. Além de fornecer financiamento em moeda local para satisfazer as necessidades do sector privado, o IFC trabalha com governos e reguladores para promover reformas e políticas que visem o desenvolvimento sustentável do mercado de capitais e maior acesso ao financiamento em moeda local.

     

    Osvaldo
    Osvaldo
    Editor da Platina Line
    Share this
    Tags

    A Bombar

    Dom Caetano aborda dissabores com Carina Santos: “Se a cópia não convence, a música se esquece”

    Dom Caetano, com sua sólida argumentação, detalhou os dissabores que enfrentou com a artista Carina Santos devido à reprodução da música intitulada “Sou angolano”,...

    Banco BCS lança o seu primeiro fundo de investimento

    O Banco BCS, arrancou ontem com a subscrição de um fundo fechado especial de investimento em valores mobiliários, no valor global de 5.000.000.000 Kz. Destinado...

    Angola ocupa 4.ª posição no Ranking Africano de Futsal

    Por Helder Lourenço Após a recente realização do CAN`2024, em Rabat, Marrocos, Angola se destaca ao conquistar a quarta posição no ranking da Confederação Africana...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto