Lady GaGa revela que sua mãe quase foi vítima do ataque terrorista de 11 de setembro

0
127

Lady GaGa

Após muitas celebridades falarem sobre a morte do terrorista Osama bin Laden, chegou a vez da polêmica Lady GaGa tocar num assunto tão delicado. Para a cantora de “Judas”, o assassinato de Osama tem um significado muito importante para os nova-iorquinos que testemunharam o ataque de 11 de setembro de 2001.

Em entrevista à estação de rádio Hot 99.5, de Washington, GaGa lembrou que estava na escola católica que estudava quando as ruas da sua cidade natal foi “coberta de cinzas”. Ela explicou que sua mãe, Cynthia Germanotta, trabalhava do outro lado da rua das torres do World Trade Center. No dia do ataque, sua família entrou em desespero até saber que nada tinha acontecido a Cynthia.

Embora tenha publicado no Twitter que a morte de Osama foi “um momento histórico na luta contra o ódio”, Lady GaGa, durante a mesma entrevista, também deixou claro que não acredita em regozijo pela morte de nenhum ser humano. “É uma situação difícil. Ninguém quer comemorar a morte.”, disse ela. “Mas eu sei que isso foi algo que significou muito para o povo de Nova York, especialmente para aqueles que perderam a vida naquele dia”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui