- Publicidade -

More

    Matias Damásio, W King, B4 , Yuri da Cunha e Grande Elenco no show de abertura do Fenacult2014

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Os músicos W King, Matias Damásio, B4 (Big Nelo e C4 Pedro), Yuri da Cunha, Bangão, Kueno Aionda, Yola Araújo, entre outras referências do mercado nacional, farão parte do espectáculo de abertura do II Festival Nacional de Cultura (Fenacult) a ter lugar no dia 30 deste mês no Estádio 11 de Novembro, em Luanda.

    O show de abertura do Fenacult 2014, cujo programa será dividido em duas partes, contará ainda com as participações de Carlos Burity, Nsoki, Givago, Elias dia Kimuezu, Kiaku Kiadaff, Coreon Dú e da Banda Movimento.

    A primeira parte do programo será preenchido por um espectaculo criado sobre uma base audiovisual original com animação  em   3D mapeada sobre o campo onde participaram centenas de figurantes, numa coreografia especialmente desenhada para ser articulada com as projecões  em video ,  e show de luzes.

    Este espectáculo tem a característica de ser o primeiro do gênero a ser concebido e implementado em África.

    De uma forma artística e multimídia será contada a historia do pais, enfatizando as conquistas da paz e os nossos valores culturais, naturais e ecológicos, onde estarão presentes a dança, o canto, os instrumentos musicais e também o progresso tecnológico e o desenvolvimento social da Angola soberana.

    O espectáculo contara  com a participações  de 625 interpretes, entre os quais 202 cantores que constituirão um coral gigante, 82 bailarinos, 337 efectivos das Forças Armadas Angolanas. Para além dos interpretes estão envolvidas uma equipa criativa com mais de 10 artistas e uma equipa técnica com mais de 30 elementos.

    Esta primeira parte da apresentação  culminara com fogo-de-artifício, numa apoteose de alegria e cor.

    O Fenacult servirá como ponto de promoção da coesão, unidade e da diversidade cultural de Angola, bem como da preservação e divulgação da identidade nacional.

    Consta entre os  propósitos, revisitar o estado actual do sector cultural, dar oportunidade aos criadores angolanos de se apresentarem com um espírito de intercâmbio e de celebração cultural.

    Destinado a homenagear o Presidente José Eduardo dos Santos, pelo seu papel na defesa da angolanidade, empenho e dedicação em prol da valorização e desenvolvimento das artes e da cultura angolana, o Fenacult vai congregar actividades relacionadas com as artes cénicas, dança, música, artes plásticas, literatura, entre outras modalidades.

    O evento vai igualmente servir para assinalar o 90º aniversário do nascimento do primeiro presidente de Angola, António Agostinho Neto.

    O Executivo pretende ainda, com o Fenacult, desenvolver as premissas para a implementação da política cultural em interação e articulação com o sector público, privado e o terceiro sector, divulgar e valorizar as artes e manifestações culturais, populares e tradicionais, o consumo e a valorização dos bens culturais nacionais, mediante a criação de redes culturais a nível local, nacional e internacional.  

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Africell lança campanha de diversificação de agentes com foco na criação de novos negócios:

    | A Africell está a abrir as suas portas para que empresas e particulares se tornem Agentes de Recargas Electrónicas (EVC) da Africell numa...

    ZAP proporciona momento mágico a mais de 170 crianças de lares Vidas ZAP com o grande “Show do Panda E Os Caricas”.

    Luanda, 11 de Junho de 2024 – No dia 7 de Junho, a ZAP reuniu mais de 150 crianças, na acção Vidas ZAP "Show...

    Guitarrista Texas cobra 50 mil kwanzas para colaborações musicais

    Por: Helder Lourenço O guitarrista angolano Texas revelou, em entrevista ao programa "Dia Alegre" da Platina FM (96.8), que cobra apenas 50 mil kwanzas por...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto