- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Ministério da Saúde condena festejo dos médicos durante cirurgia na Província do Uíge

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    O Secretário de Estado da Saúde para Área Hospitalar, Leonardo Inocêncio, condenou a atitude que a equipa de médicos teve no decorrer de uma cirurgia, realizada no Hospital Geral do Uíge.

    Leonardo Inocêncio disse que os médicos celebraram no momento em que o paciente estava no processo intra-operatório, considerando um período sagrado que não deve ser violado sob nenhuma circunstância.

    Segundo avançou o jornal de Angola, foi criada uma comissão de inquérito multidisciplinar, para descobrir a verdade dos factos, imputados a uma equipa de médicos da organização filantrópica Meditur.

    “O vídeo foi assistido e visto com muita preocupação, por ser um desvio grave no comportamento do ponto de vista ético e deontológico”, esclareceu.

    Recordar que, foi posto um vídeo a circular nas redes sociais, onde uma equipa de médicos na província do Uíge colocou-se em danças e cantos quando se realizava um processo cirúrgico.

    Por: Liliana Victor

    Share this
    Tags

    A Bombar

    4ª edição dos “Prémios Tigra Nova Garra” reconhece 28 profissionais em diferentes áreas de actuação

    Os Prémios “Tigra Nova Garra” já fazem parte da agenda dos grandes eventos anuais que reconhecem talento, criatividade, esforço e compromisso social dos jovens...

    “Delero King cobra Taxa de 1 Milhão de Kz por Participação Musical”

    Na terça-feira, (23), teve lugar em Luanda a conferência de imprensa para anunciar os vencedores da 4ª edição dos “Prémios Tigra Nova Garra”, uma...

    Miguel Neto declara que denominação “música folclórica” é pejorativa para Angola e defende o termo “tradicional”

    O jornalista angolano Miguel Neto declarou, nesta Segunda-feira (22), durante a rubrica "Momento Cultural" do programa A Tarde é Nossa da TV Zimbo, que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto