- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Morte de Luther Rescova abala a sociedade

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A morte do governador do Uíge, Sérgio Luther Rescova, ocorrida sexta-feira, continua a abalar a sociedade angolana, em particular a classe política, que reage com profundo pesar.

    O político faleceu em Luanda, vítima de doença, aos 40 anos de idade, depois de ter sido evacuado de emergência da província do Uíge.

    Desde a confirmação da ocorrência, pelo Governo angolano, várias mensagens de pesar vão chegando à redacção da ANGOP, exaltando as qualidades profissionais de Luther Rescova.

    Depois de o Presidente da República, João Lourenço, ter manifetado o seu profundo pesar, na sexta-feira à noite, vários governantes e políticos angolanos destacam os feitos do governador e académico, que foi, por muito tempo, um influente dirigente da JMPLA.

    Neste sábado, o ministro das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social, Manuel Homem, considerou a morte do governante “uma perda irreparável”, sublinhando que o povo angolano “sempre viu nele um porto seguro para as suas aspirações de progresso e de desenvolvimento de Angola”.

    Na sua mensagem de condolências, enaltece os feitos de Sérgio Luther Rescova, frisando que, ao longo da sua vida, “soube, corajosamente, situar-se no lado certo da história”.

    O mesmo sentimento é manifestado pela ministra da Cultura, Turismo e Ambiente, Adjany Costa, para quem “Angola perde um dos seus grandes filhos, patriota e destacado defensor da promoção e desenvolvimento dos jovens”.

    A governante lembra Sérgio Luther Rescova Joaquim como um “incansável dirigente político e académico de reconhecida competência”.

    Para o ministro da Economia e Planeamento, Sérgio Santos, Luther Rascova é “um exemplo inegável de que Angola tinha jovens patriotas e capazes de contribuir para o desenvolvimento do país, de forma incondicional”.

    “Fê-lo a nível partidário, fê-lo ao aceitar ser governador da província de Luanda, aos 38 anos, e o fez, de novo, quando abraçou a missão, que lhe foi dada, de governar da província do Uíge”, lê-se na sua mensagem de condolências.

    Quem também se associa à dor desta perda é o Grupo Parlamentar da UNITA, que considera Sérgio Luther Rescova como “um quadro jovem angolano que se destacou na sua organização política enquanto líder juvenil, na docência, no parlamento angolano e como governante”.

    O maior partido da oposição adianta que a morte precoce surpreendeu a sociedade angolana.

    Além das mensagens protocolares, centenas de cidadãos, entre anónimos e figuras públicas, vão destacando a figura do governador do Uíge, nas redes sociais, enquanto político e académico.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Benvindo Magalhães descarta possibilidade de algum dia apresentar Telejornal: “Nunca”

    Por: Sara Rodrigues O apresentador de TV e locutor de rádio Benvindo Magalhães deixou claro em entrevista ao Platinaline que jamais, na história da televisão...

    4ª edição do Unitel Estrelas ao Palco será emitida às quintas-feiras

    Por: Sérgio Flávio Fotos: Rosário Duarte Foi realizada hoje (28), nas instalações do canal ZAP Viva, uma conferência de imprensa para divulgar detalhes sobre a...

    De vencedor a membro da mesa de jurados: O brilhante percurso de Anderson Mário no Unitel Estrelas ao Palco

    Por: Sérgio Flávio Vencedor da primeira edição do concurso Unitel Estrelas ao Palco, Anderson Mário é um dos poucos concorrentes de projetos do gênero que...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto