- Publicidade -

More

    Multinacional De Beers volta a explorar diamantes em Angola

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    O Ministério dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás (Mi-rempet), representado pela Agência Nacional de Recursos Minerais e pela Endiama, assinam, hoje, dois contratos de investimento mineiro com a multinacional sul-africana De Beers.

    Na sequência desses contratos, a De Beers Exploration Holdings Limited passa a efectuar prospecção de depósitos primários de diamantes numa extensão territorial de 9.984 quilómetros quadrados nos municípios de Saurimo, Dala e Muconda, na província da Lunda-Sul, e numa outra área de 9.701 quilómetros, nos municípios de Chitato, Lucapa e Cambulo, na Lunda-Norte.

    O renovado interesse da De Beers em projectos diamantíferos em Angola decorre das reformas implementadas pelo Executivo no subsector diamantífero, que conferem maior transparência aos processos de outorga de direitos mineiros, bem como uma maior participação no desenvolvimento socioeconómico das zonas mineiras e do país.

    Antecipadamente, Diamantino Azevedo, ministro dos Recursos Minerais, Petróleo e Gás, disse que “o regresso da De Beers a Angola permite, a médio prazo, o aumento substancial da exploração e comercialização de diamantes, bem como a oferta de mão-de-obra qualificada para jovens angolanos”.

    Também, o ministro destaca o acontecimento como resultado directo do êxito da estratégia de melhoria do ambiente de negócios traçada pelo Executivo liderado pelo Presidente João Lourenço.

    Pela Endiama, o presidente do Conselho de Administração (PCA), José Manuel Augusto Ganga Júnior, esclareceu que o acordo permitirá reforçar o papel de Angola no exercício da actividade diamantífera, de modo a posicionar o país entre os maiores produtores mundiais de diamantes.

    Segundo Ganga Júnior, tal parceria vai repercutir-se, necessariamente, no aumento da empregabilidade e no bem-estar dos trabalhadores que estiverem vinculados aos novos projectos, assim como outros benéficos económicos, financeiros e sociais que serão proporcionados às partes intervenientes em todo o processo produtivo.

    Por Angola, serão signatários do acordo Jacinto Rocha, PCA da Agência Nacional de Recursos Minerais, e José Augusto Ganga Júnior e pela diamantífera sul-africana assina Bruce Cleaver, CEO da De Beers. Os referidos Contratos resultam de várias rondas negociais entre as instituições angolanas e a De Beers, desde Outubro de 2021.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “Mulher detida em Luanda após acumular dívida milionária em hotel de luxo

    Uma mulher de 36 anos assumiu uma identidade falsa de empresária e se hospedou em um hotel de luxo na região do litoral sul...

    “SIC desmantela rede de falsificação de dólares provenientes da RDC em Angola”

    O Serviço de Investigação Criminal (SIC) desmantelou uma rede de indivíduos angolanos que colaboravam com estrangeiros para introduzir dólares falsificados no país, provenientes da...

    Pinóquio: A Verdadeira História” traz emoção e diversão a 31 de Maio no ZAP Cinemas

    Luanda, 23 de Maio de 2024 – A emocionante estreia de "Pinóquio, a História Verdadeira" no ZAP Cinemas traz uma nova e divertida abordagem...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto