- Publicidade -

More

    Solução de transporte promete ligar Luanda, Cabinda e Soyo em poucas Horas

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    A embarcação do tipo “fast ferry boat 4812” vai ajudar o sector dos Transportes a reforçar o seu programa de mobilidade de pessoas e mercadorias entre Luanda, Cabinda e Soyo.

    No Estaleiro Naval da Dámen Shipyards (construtora de navios na Singapura), o ministro dos Transportes, Augusto da Silva Tomás, ladeado do embaixador angolano na Singapura, Fidelino Figueiredo, testemunhou hoje a cerimónia de lançamento à água do navio, “fast ferry boat 4812“, em fase conclusiva de construção.

    O navio, adquirido pelo Governo angolano nos termos de um contrato de construção e fornecimento celebrado entre os dois países, transportará para além de passageiros, viaturas ligeiras, camiões, contentores, equipamentos e carga geral.

    O ministro Augusto Tomás afirmou, na cerimónia, que o lançamento à água da obra-prima (referência à embarcação) é a confirmação de um novo ciclo na história da cabotagem do nosso país.

    Informou que o conjunto de variáveis que abarca o projecto de cabotagem norte de Angola vai contribuir para o aumento do emprego, do rendimento das famílias, das empresas, e para o crescimento económico.

    Esta deslocação à Singapura insere-se no reforço do projecto de cabotagem do norte de Angola em curso adstrito ao ramo marítimo e portuário, o qual tem vindo a revigorar-se através da reabilitação, construção e modernização de novas infraestruturas marítimas e terrestres.

    Fast_Ferry_4212

    No âmbito do seu programa de desenvolvimento, o Ministério dos Transportes está a construir as novas infraestruturas nas Províncias de Cabinda e do Zaire, incluindo a aquisição de meios e equipamentos reservados ao transporte de pessoas e bens.

    O investimento no subsector marítimo e portuário em Angola inclui a aquisição de meios e equipamentos de alta tecnologia, de forma a adequá-los aos objectivos exigidos pelo mercado nacional, regional, e consequentemente, internacional.

    O trabalho em curso comporta a construção do quebra-mar e o Terminal Marítimo de Passageiros na Província de Cabinda, o Terminal Fluvial de Passageiros no Soyo, Província do Zaire, e o fornecimento de um navio do tipo “roll-on roll-off” e de outro navio do tipo “fast ferry boat 4812”.

    No domínio da aviação civil, Angola e a Singapura assinaram a 19 de Abril, pela primeira vez, um acordo aéreo para o transporte de passageiros e carga, estreitando assim as relações entre os dois Estados, e aumentando a conectividade entre a região da África Austral e o continente asiático.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Carlos Morais fecha acordo com a Golden BET

    Carlos Morais, renomado atleta angolano, firmou um acordo hoje  com a Golden BET, empresa determinada a marcar presença no cenário das apostas desportivas em...

    O Próprio, de Dillaz, é o álbum português mais escutado de sempre em dia de estreia no Spotify

    Chegou na sexta-feira passada e já causou mossa nas plataformas de streaming. Segundo o Spotify, o novo álbum de Dillaz da produtora  BackRoom pertencente...

    OEACP-UE faz história ao lançar alicerces da nova parceria paritária

    A Presidente da Assembleia Nacional, Carolina Cerqueira, declarou, esta quarta-feira, em Luanda, que os Estados de África, Caraíbas e Pacífico e União Europeia (OEACP-UE)...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto