- Publicidade -

More

    TAAG CONTRIBUI PARA A REDUÇÃO DAS EMISSÕES DE CO2 E POUPA CERCA DE 35 MILHÕES DE DÓLARES EM COMBUSTÍVEIS

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    De Novembro de 2011 até ao final de 2012, a TAAG registou um ganho efectivo de cerca de 35 milhões de dólares, com a implementação de um programa de redução de consumo de combustíveis. Além desta poupança, as Linhas Aéreas de Angola contribuiram para a redução das emissões de dióxido de carbono na atmosfera. Nesse período e com a aplicação deste programa de poupança de combustíveis, os aviões operados pela TAAG, em todas as rotas, reduziram as emissões de CO2 em 41 milhões de toneladas.

    Foi em 2010 que a TAAG contratou os serviços IATA (Associação Internacional de Transportes Aéreos), para avaliar os gastos de combustíveis, com o objectivo de traçar um plano de gestão e eficiência na área das operações de voo. Os resultados da avaliação demonstraram que a companhia podia ter poupanças que ultrapassavam os 60 por cento, com ganhos financeiros e ambientais significativos.

    Em 2011, a TAAG decidiu contratar serviços de especialistas para dar apoio ao Grupo de Gestão da Eficiência de Combustível, então criado. Uma das primeiras acções, foi dar formação ao grupo de trabalho.

    Desde então, a companhia aérea angolana, como membro da IATA, participa do programa Green Team contribuindo para reduzir o impacto ambiental dos combustíveis aéreos.

    A TAAG está, assim, envolvida em 24 iniciativas de poupança, muitas delas relacionadas com a operacionalização dos voos. Mantendo sempre acautelada a segurança de voo, decidiu-se, por exemplo, reduzir o transporte de combustível extra para permitir que o avião, com menor peso, tenha um consumo de combustível mais baixo. Também com esse objectivo, as tripulações foram orientadas a reduzir a altitude de aceleração, a recolher os flaps mais rapidamente e a utilizá-los o menos possível nas aterragens dos Boeing 737-200, em pistas mais longas.

    Em termos financeiros, o “tankering” é o projecto que mais tem contribuído para a poupança. Cerca de 56 porcento. No âmbito deste projecto de gestão da eficiência dos combustíveis, a TAAG decidiu implementar um programa de transporte de combustíveis das escalas onde o preço é inferior ao praticado em Luanda. Um projecto que está em curso desde Maio de 2011 e que contribuiu para mais de metade da poupança financeira contabilizada em cerca de 35 milhões de dólares entre Novembro de 2011 e o final de 2012.

    Um projecto cujos resultados foram sublinhados pelo presidente do Conselho de Administração da TAAG, na mensagem de final de ano, dirigida aos trabalhadores da companhia.

    Pimentel Araújo anunciou que em 2013, vão continuar a ser executadas algumas das acções iniciadas no ano anterior, nomedamente na criação de condições técnicas para o arranque, previsto para Março de 2013, dos cursos técnicos de manutenção de aeronáutica.

    Mas as acções desenvolvidas em 2012 estendem-se para outros anos, como é o caso da execução do contrato assinado pela TAAG com a Boeing para a compra de 3 aeronaves 777-300 ER. A primeira pode ser entregue em Maio de 2014, a segunda deve chegar em Dezembro de 2015 e a outra, em Março de 2016.

    Para este ano a TAAG fixou outros objectivos, entre os quais está o da consolidação da política de redução de atrasos nos voos. Uma política que permitiu que mais de dois terços dos aviões da companhia partissem “on-time” em 2012.

    A TAAG mantém, por isso, como objectivo, reforçar os 4 C’s. Crescimento da companhia e dos serviços oferecidos, em direcção à excelência.

    Capacitação, para que os quadros da empresa desempenhem as suas funções com uma eficiência cada vez maior.

    Cliente, na perspectiva de que essa capacitação vai permitir que se mude, definitivamente, a atitude da empresa no momento de servir quem procura a TAAG e se reforce, dessa maneira, a confiança na companhia num mercado cada vez mais concorrencial.

    Controlo, demonstrando ser urgente a consciencialização de que a função financeira não é um problema exclusivo da correspondente área mas sim de toda a empresa, de cada um dos trabalhadores da TAAG, fazendo mais, com menos.

     

    Fonte: TAAG

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Angola Chora a Perda do Ícone do Basquetebol, Ângelo Victoriano

    Hoje, sábado, Luanda acorda envolta em tristeza pela partida do antigo capitão da Selecção Nacional de Basquetebol, Ângelo Victoriano, aos 55 anos, vítima de...

    Kwenda Magic estreia talent show nacional “O Caça-Talentos”

    O canal de televisão da DStv Kwenda Magic estreia no próximo dia 14 de abril, um novo programa na sua grelha, um talent show...

    Unitel junta-se ao Programa de Estágio Profissional do INEFOP

    INEFOP e a UNITEL oficializaram a parceria estratégica por via da assinatura do Memorando de Entendimento para a promoção do desenvolvimento profissional dos jovens...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto