- Publicidade -

More

    Chef de cozinha Ricardo Braga conta a sua trajectória profissional

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Por Edueni António

    Após ter participado na quarta edição do Conversas Acústicas, o PLATINALINE entrou em contacto com o Chef de cozinha Ricardo Braga para saber mais sobre a sua carreira profissional e o prémio conquistado na Itália.

    Ricardo, nascido em PortuCamboja, Portugal, situado na zona de Chelas, já passou por vários hotéis e restaurantes até chegar a Luanda, fez formação de cozinha e pastelaria na ACPP (Associação dos cozinheiros e pasteleiros de Portugal) durante 3 anos, somando assim 18 anos como cozinheiro.

    Braga prefere não se intitular um grande Chef de cozinha, pois é uma pessoa extremamente focada nos seus objectivos, e para ele, essa avaliação deve ser resultado do trabalho desempenhado ao longo destes anos.

    “Fico grato pelos elogios, mas tenho muito para aprender ainda”. contou

    O chefe, aos seus 18 anos de estrada, participou em concurso de culinária na Itália, onde alcançou a primeira posição com o melhor Cuscuz do mundo no mesmo país, em representação de Angola com o Chef Helt Araújo.

    O prato foi estudado durante quatro meses pelos próprios cozinheiros, nesse estudo tinham como produto o catato. Faltando apenas um mês no concurso, na altura, disseram-lhes que não poderiam usar o produto e nem o transportar, porque possivelmente não iria passar na fronteira, teve uma insistência da parte dos participantes e conseguiram transportá-lo.

    O prato era composto por um salmonete peixe da região, Cuscuz com cogumelos e tomate seco, carabineiro, quiabos e uma telha que representava as montanhas que a ilha de Sicília tem, e o catato fumado em pó.

    “Posso dizer que, até este momento, foram dos dias mais marcantes da minha vida pelo reconhecimento. Sinto que tenho muito ainda para aprender e ensinar. Amo o que faço”. Frisou.

    Para finalizar, Ricardo diz que aceitou o convite da Karina Barbosa aquando da apresentação do projecto, e gostou da iniciativa da união de três áreas em um só um espaço, a Arte, Gastronomia e Música, que neste momento são das mais afectadas com a pandemia.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Casal presidencial passeia pelas dunas do Parque Nacional do Iona

         O Presidente da República andou de moto nas dunas do Parque Nacional do Iona. Um momento de descontracção com o qual lançou um...

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto