- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Declaração da Unitel à Agência Lusa

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Em Julho de 2013 a PT reconheceu ter criado um grande desconforto junto dos restantes accionistas da Unitel ao atropelar os seus direitos e a sua vontade na transação com a Helios. Foi uma operação que se realizou, sublinhamos, contra a vontade expressa dos outros accionistas da Unitel.

    A PT preferiu, então, privilegiar uma relação com o fundo Helios, que tinha iniciado apenas em 2008, em lugar de dar prioridade à relação de longa data e de sucesso que já mantinha com os seus parceiros angolanos.

    A Unitel sempre foi, é e continuará a ser uma companhia de excelência e de performance graças ao equilíbrio e respeito mútuo entre os seus vários accionistas e à sua visão comum e partilhada do negócio.

    Hoje em dia, como é público, a prioridade da PT é o Brasil e desse projecto a Unitel não é parte.

    Ora, a Unitel possui a sua própria visão de internacionalizar-se tendo já executado com êxito duas operações noutros mercados e estando a analisar a aquisição de outras cinco operadoras móveis.

    O rápido crescimento da Unitel em Angola e a sua ambição internacional obrigaram a reestruturar a sua gestão e a reorganizar o próprio grupo, como foi oportunamente anunciado, com os correspondentes movimentos financeiros.

    Quanto aos contratos de gestão, estes são típicos e comuns em operadoras de telecomunicações e outras empresas, sendo que, no caso da Unitel, a própria PT teve um contrato de gestão pelo qual foi recebendo milhões de euros em “fees” de gestão.

    As contas da Unitel sempre foram preparadas e auditadas pelas grandes empresas internacionais de auditoria e aprovadas sem reservas.

    Foram sempre aplicadas as melhores práticas e sempre se procedeu ao “benchmark” com outras companhias da mesma indústria. A Unitel aplica os melhores princípios de “governance” do padrão global.

    As contas da Unitel foram circuladas e apresentadas a todos seus accionistas em Dezembro de 2013, data bastante anterior ao relatório da PT de Fevereiro do corrente ano, e os administradores da PT tomaram então conhecimento pormenorizada das contas da empresa sem que se manifestassem como agora o fizeram no processo de fusão em curso.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “Mulher detida em Luanda após acumular dívida milionária em hotel de luxo

    Uma mulher de 36 anos assumiu uma identidade falsa de empresária e se hospedou em um hotel de luxo na região do litoral sul...

    “SIC desmantela rede de falsificação de dólares provenientes da RDC em Angola”

    O Serviço de Investigação Criminal (SIC) desmantelou uma rede de indivíduos angolanos que colaboravam com estrangeiros para introduzir dólares falsificados no país, provenientes da...

    Pinóquio: A Verdadeira História” traz emoção e diversão a 31 de Maio no ZAP Cinemas

    Luanda, 23 de Maio de 2024 – A emocionante estreia de "Pinóquio, a História Verdadeira" no ZAP Cinemas traz uma nova e divertida abordagem...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto