- Publicidade -

More

    EDMAN uma Promessa do rap Angolano

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

     

    Edman é um rapper angolano residente na Holanda. Natural do Uíge, morava no bairro do Prenda com seus pais. Sendo o primogênito aprendeu a lidar com as coisas difíceis da vida muito cedo. Segundo o Rapper o Hip-Hop, sempre foi uma das suas actividades diárias. “Comecei como um breakdancer, e quando nos mudamos para Viana onde o rap era mais popular do que o breakdance, descobri que tinha talento para a rima e a expressar os meus sentimentos em letras de rap”. Afirmou em entrevista a Platina line.

    Edman tem a sua mãe como inspiração devido a sua perseverança e empatia, sem esquecer os amigos com quem fazia Freestyle, e os rappers angolanos e norte-americanos que foram também uma grande influência.

     Passado algum tempo, o seu amor pelo rap crescia de dia após dia. Foi nesta altura que Edman descobriu que só Freestyle não era suficiente, começou a escrever com o seu amigo Nigga Vado, onde gravavam suas habilidades de rap nas cassetes. Este foi para Edman um marco importante, pois esta cassete decidiu a sua estadia no rap. “ Tornei-me viciado neste estilo, rimando sobre a vida, de uma forma positiva trazendo felicidade e diversão.

    Em 2001 Edman imigrou para a Holanda a fim de dar continuidade aos seus estudos. “Apareceu uma oportunidade que possibilitou a minha saída para o estrangeiro e eu não hesitei. Foi neste altura que separei-me do meu Nigga Vado, que permaneceu ca em Angola. Posto lá na Holanda continuei com as minhas aparições musicais. No começo cantava em português, em uma batalha de Rompimento na cidade de Harderwijk, e depois participei nas sessões de ‘Open Mic’, onde mostrei as minhas habilidades, apesar do facto de não poderem compreender-me, mas a multidão  aplaudiu com muito entusiasmo, o que foi bastante satisfatório para mim. Depois do freestyle, o organizador do rompimento Simon Haze aproximou-se de mim com entusiasmo, querendo conhecer-me melhor. Tornamo-nos amigos, uma amizade que cresceu ainda mais depois de descobrir que tínhamos pensamentos semelhantes em muitos tópicos”.

    O rapper participou em vários concursos de novos talentos, onde muitas vezes foi o vencedor. Em 2006, Edman lançou seu primeiro CD Diepzinnig (Profundo) em Holandês, que foi produzido por GMP (Genial Music Productions ) em Deventer, e por Slice Music .

    Em 2009, deu o seu próximo passo no hip- hop holandês. Durante as gravações da sua Mixtape vol.1 ” Losse Collabos ”, onde trabalhou com o rapper Deams. E durante esta fase afirma que aprendeu muito com este grande rapper.

    Sem medo de errar afirma que a música que lhe deu protagonismo é o Pico no Boneco.Foi graças a essa música que consegui pegar o meu Spot no game. Foi a primeira música que promovi e também o meu primeiro vídeo com objectivo de promover em Angola. Felizmente a música foi bem recebida e o vídeo passou um bom tempo na televisão. A música tem uma vibe diferente em relação aos nossos sons de rap habituais no mercado. Então foi um risco fazer uma música do género. Nem sempre as coisas novas são bem-vindas. Mas faço aquilo que me agrada.” Declarou Edman.

     Actualmente o rapper conta com uma música nova no mercado com o título Estrangeiro em própria Terra. Questionado sobre o porquê do título sugestivo Edman, realça que achou diferenças grandes em coisas pequenas. “É dessa forma que com poucas palavras descrevo o sentimento que tenho sempre que estou na nossa terra mãe. Estou a sensivelmente 12 anos na Holanda, onde nos primeiros 8 anos não regressei em Angola. Eu era o único negro na escola, nem dava para fogar. Ali eu cresci num meio de holandeses onde passei uma integração para aprender a lidar com os hábitos e costumes deles. Os mais velhos dizem: quando vais a um lugar desconhecido deves aprender a viver com o meio em que te encontras. Falar a língua deles e dançar a música deles.

    Quando regressei a Angola, tive de adaptar-me de novo. Na minha opinião, a fase mais importante no crescimento consciente de um homem é a fase da adolescência para adulto. E esta fase, passei na Holanda. A música “Estrangeiro em própria terra” espelha a verdade que eu vivo. No primeiro verso descrevo a primeira impressão depois de aterrar e visitar a velha, família e amigos. No 2º verso a música torna mais profunda, eu descrevo a mentalidade angolana através de alguns acontecimentos que nós, infelizmente, vivemos. Com intensão de transmitir algo construtivo. Razão pela qual vemos rostos alegres no videoclip enquanto o conteúdo da música não é estar alegre. É uma música que muitos angolanos que vivem no estrangeiro identificam-se. “

    Autor de vários hits, o rapper está agora a preparar o próximo álbum que será lançado em 2014 com o títuloHip Hop não é religião’. Nela constam 19 faixas musicais e será produzido pelo Simon Haze, seu produtor. Também contém participações de músicos nacionais e internacionais. “Chegou uma fase no meu desenvolvimento como artista onde eu descobri que não preciso de seguir leis de ninguém. Só preciso de escutar o que o meu coração manda. Muitos músicos no passado inspiraram-me de uma forma muito forte. Pois não acreditava apenas nas músicas, mas também nos seus ideais, mesmo tendo uma opinião diferente deles. Cresci num movimento onde as pessoas diziam: Isso é rap,e isso não é rap. Isso é underground e isso é comercial. E sempre acreditei neles. Quando os mesmos músicos mudaram de carácter e ideais, dei conta que tudo não passava de palavras. Como é possível convencer o povo se o próprio músico não sente a sua música? Até uma peça teatral para ser bem interpretada deve sair da alma. Só dessa forma é que a mensagem atinge aqueles que nela se identificam. Sem querer julgar ou culpar alguém, disse para mim mesmo: Fuck that shit, Hip hop não é religião. É simplesmente uma cultura como as outras e também sofre desenvolvimentos. Eu vou fazer aquilo que me faz sentir bem na minha pele assumir as minhas palavras. Respeito todo mundo, mas não preciso agradar toda gente.”

    Edman além de músico é licenciado em gestão intermédia de tecnologia laboratorial, especializado em análises clinicas.
    Deixa algumas frases para os nossos leitores: “Às vezes é difícil conseguir o que você gostaria de alcançar na vida. É uma questão de continuar e acreditar em si mesmo. Isso exige energia e perseverança. Deves continuar a lutar e o resto virá por si. Tenho aprendido as lições da vida, agora levo o microfone na minha mão e Deus no meu coração.”
    Concluiu

    Edman official website:www.edman.nl

    Facebook:  https://www.facebook.com/www.EDMAN.nl

    Youtube:  http://www.youtube.com/user/MundoProfundoTV

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Figuras públicas mostram-se tristes pela não convocação de Bastos Kissanga nos jogos contra Eswatini e Camarões

    Depois de conhecida a lista final de convocados do técnico Pedro Gonçalves para os próximos jogos de qualificação ao Campeonato do Mundo 2026, a...

    Santo Cézar Revela Renda Mensal de Fotógrafo Profissional: “Um Milhão por Mês”

    Por: Liliana Victor Durante o programa Dia Alegre na Platina FM, o fotógrafo Santo Cézar compartilhou detalhes sobre a realidade da fotografia em Angola, revelando...

    Malunne revela interesse amoroso por um artista da nova geração: “A pessoa sabe, falamos com frequência”

    Por: Sara Rodrigues Ao que tudo indica, a menina cresceu e está de olhos em um músico da nova geração. Sem muitos detalhes adicionais, a mais...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto