- Publicidade -

More

    Manuel Kanza sugere ao Ministério da Cultura e Turismo criação de um festival de dança 

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    O conceituado dançarino angolano Manuel Kanza, durante o evento Liga Konfronto, que decorreu no Sábado último, reflectiu sobre a importância da criação de um festival de dança por iniciativa do Ministério da Cultura e Turismo.

    Aos microfones do PLATINALINE, Manuel Kanza exaltou os feitos do actual Ministro da Cultura e Turismo, Filipe Zau, entretanto, sugeriu celebrar esta arte com um grande festival.

    “Eu não sou do tipo de pensar em ser um cabeça ou líder, mas o Ministro da Cultura tem feito coisas boas, mas se calhar, poderíamos criar festivais para dança no dia mundial da dança, ter um grande festival por iniciativa do Ministério da Cultura em vários municípios ou em várias províncias”, avançou.

    Ainda referiu que se deve festejar a dança, pois os africanos são conhecidos como os melhores na arte, então é relevante existir tamanha festividade para que os dançarinos sintam-se motivados.

    Manuel Kanza é um jovem bailarino e coreógrafo, que viu o seu gosto pela dança surgir desde tenra idade e ficou conhecido após sua participação na primeira edição do concurso de dança “Bounce”, realizado pela Semba Comunicação, em 2008.

    Por: Liliana Victor

    Share this
    Tags

    A Bombar

    Hélio Taveira reconhece crescimento profissional da ex-companheira de programa “Stela de Carvalho”

    Por: Nunes Hebo Ausente dos holofotes há alguns anos, o ex-apresentador do programa “Viva a Tarde”, do canal Zap Viva, Hélio Taveira, reconheceu, recentemente no...

    Férias mais divertidas e cheias de aventura com os canais infantis da DStv!

    Uma temporada de conteúdo educativo e divertido para crianças, especialmente escolhido para os mais pequenos LUANDA, 13 de JUNHO de 2024 - As férias estão...

    Protteja Seguros aposta em parcerias sustentáveis

    PROTTEJA SEGUROS comunica a todos os seus clientes e parceiros a expansão do seu nível de coberturas em Angola e além-fronteiras (Portugal, África do...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto