- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Nova Musica : Sandra Cordeiro "Luandense"

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Desde sempre aprendeu a apreciar música influenciada pelo gosto do pai que lhe abriu as portas para estilos pouco convencionais para a sua idade como Frank Sinatra, Nat King Cole, Bobby McFerrin, entre outros. Aprendeu desde tenra idade a gostar de musicais, desenvolvendo o gosto por dançar desde pequenina.

    Pertenceu a grupos de dança tradicional na rua em que cresceu, na escola primária e, no ensino médio, já imitava cantores internacionais destacando-se nas actividades escolares. Sandra Cordeiro começou a cantar aos 12 anos na Igreja do Carmo como solista e foi, nessa altura, ao cantar o evangelho no altar, que descobriu que queria seguir a carreira de cantora. A sua carreira arranca aos 16 anos com a participação, em 2001, no programa Estrelas ao Palco, onde ficou em 5º lugar com a sua imitação da cantora Anastasia com o tema ‘I’m Outta Love’. A partir daí começou a cantar em bares e restaurantes na companhia de várias bandas nacionais e internacionais como a do música Carlos Lopes, a Banda Clave, com o músico Mário Rui, a banda de Jazz norueguesa Gumbo e muitos outros nomes. Foi participando em vários álbuns de música nacionais dos mais variados estilos até à participação no Festival da Canção de Lac, em 2005, onde conheceu o produtor NinoJazz.

    2006 marca o ano do seu grande salto para o reconhecimento nacional, ano em que começa a coleccionar prémios.  Nesse mesmo ano, Sandra Cordeiro ganha o concurso de voz da Spin, arrecada todos os prémios no prémio Canção de Luanda (Melhor Voz, Melhor Letra e Melhor Interpretação) inclusivé o concurso a nível nacional. Com o apoio de NinoJazz e da Kriativa, lança, em 2008, o álbum de estreia ‘Tata’zambi’ com o qual vence o prémio Revelação e o prémio Criatividade. Com o mesmo trabalho, o reconhecimento internacional chega ao seu nomeada para o Prix Decouverte RFI da Rádio Francesa que destaca a 10 melhores novas vozes de África. Mais do que uma promessa, Sandra Cordeiro é já uma das grandes certezas da música made in Africa.

     

    Agora em 2012 prepara seu Albúm, e estreia aqui na Platina , a sua nova Musica Luandense, escrita por Matias Damásio 

     

     

     

    Share this
    Tags

    A Bombar

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    “O mundo não aprecia coitados nem perdedores”, diz Teresa Sara

    A atual Miss Angola Internacional, Teresa Sara, deixou um conselho para as jovens que a veem como modelo. Em sua abordagem, aconselhou-as a lutar...

    Governo Provincial de Luanda entrega Octógonos à FAMMA

    Por: Helder Lourenço O Governo Provincial de Luanda demonstrou o seu compromisso com a promoção das artes marciais ao entregar, nesta terça-feira (16), dois Octógonos...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto