Quem tem tatuagem ou piercing pode doar sangue? Biomédico Samuel Sebastião explica

0
340
Por: Stella Cortêz
Há quem acredite que pessoas com tatuagens não possam ser doadoras de sangue, claro que isso não condiz com a verdade, pois, o facto de ter uma tatuagem não significa sinónimo de impedimento para a realização de uma doação, todavia, é imprescindível que a pessoa tatuada aguarde pelo menos 12 meses para ser um dador, como explicou Samuel Sebastião, quando falava a propósito dos requisitos para se doar sangue, bem como alguns mitos sobre quem pode doar sangue.
O biomédico, que foi o convidado para a edição desta terça-feira, 14 de Junho, data em que o mundo celebra o Dia Mundial do Dador de Sangue, na rubrica Saúde para o Povo, do programa Dia a Alegre, fez saber, durante a sua intervenção, que existem três tipos de dadores de sangue, nomeadamente o dador voluntário, dador de reposição e a doação autóloga.
“A doação voluntária é para simplesmente enriquecer o stock, temos o dador de reposição, que é específico para um familiar ou paciente que esteja internado e precisa de sangue ou o sangue do dador de reposição serve para repor o que foi retirado do stock, existe ainda a doação autóloga, é a doação feita pelo paciente para o paciente”, explicou o biomédico, acrescentando que o procedimento para a colheita de sangue deve levar pelo menos 20 minutos.
Samuel Sebastião frisou ainda que podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos e que estejam com um peso considerável, sublinhando de igual forma o quão é importante apresentar documento oficial no caso de se tratar de um dador menor de 18 anos, e só pode doar com consentimento dos responsáveis.
“Para além de ter a idade, vem a condição física e mental, o indivíduo tem que descansar, ou seja, deve no mínimo ter seis horas de descanso até a data para a realização da doação, se não dormiu bem convém não doar para evitar mau-estares. Para quem faz o uso de tatuagens e piercing é importante que seja absolutamente honesto no acto da triagem falar abertamente sobre a periodicidade da tatuagem ou piercing, se for recente não pode doar, tem que provar com documentos do lugar onde efectuou a tatuagem ou piercing que os materiais usados foram devidamente esterilizados”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui