- Publicidade -

Visit arnan.me
More

    Rua Rainha Njinga ganha novo cenário artístico

    em

    |

    Visualizações

    and

    comentarios

    Texto: Hélio Cristóvão

    Fotos: Osvaldo Ferreira

    A Administração do Distrito Urbano da Ingombota, em parceria com a Refriango, remodelaram mais de 750m2 de área, numa das ruas mais emblemáticas da cidade de Luanda, que foi esta sexta-feira, 20 de Novembro, cuja inauguração ocorreu em presença de representantes do Governo Provincial de Luanda, da Comissão Administrativa da Cidade de Luanda, da Administração do Distrito Urbano da Ingombota, sem deixar de mencionar o artista Verkron, os jovens talentos que compuseram o colectivo artístico, bem como os representantes da comissão de moradores e da Administração da Refriango.

    A presente obra surge de uma parceria entre a Administração da Ingombota e a Refriango, e transforma cenicamente uma rua nevrálgica da cidade de Luanda – Rua Rainha Njinga. A Presidente da Comissão Administrativa da Cidade de Luanda, doutora Maria Antónia Nelumba, sublinhou a importância do simbolismo histórico, do gênero e cultural da Rainha Njinga, que baptiza esta rua. “Este tipo de intervenção não se esgota nesta rua e nem neste distrito, mas será replicada nos diferentes espaços públicos da cidade – rotundas, jardins, fachadas de edifícios, mercados, praças, ruas. É ambição de todos seguir o exemplo da Administração da Ingombota de trazer mais vida e rendimento às nossas ruas; em breve, apresentaremos outras obras com este carácter de inclusão social e ambiental por toda a Luanda.”

    Segundo o Administrador da Ingombota, Rui Duarte, a intervenção, que celebra igualmente os 45 anos de independência nacional, “aumenta a qualidade artística e ambiental do espaço público da Ingombota, determinante para  o desenvolvimento de uma cultura de solidariedade e de inclusão social.”

    Sob a gestão do atelier de arquitetura Don Lado B, os artistas levaram a cabo uma criteriosa selecção de talentos, no passado mês de Setembro, de jovens entre os 16 aos 24 anos de idade, para integrar o colectivo artístico de 10 pessoas, que daria vida à rua Rainha Njinga.

    Share this
    Tags

    A Bombar

    TAAG põe fim a acordo com Hi-Fly e volta a assegurar na totalidade voos Luanda-Lisboa

    No seguimento do plano de manutenção e recuperação da frota e, no sentido de responder melhor às necessidades do mercado e a estratégia de...

    Hildebrando de Melo na 15º Bienal de Havana em Cuba

    A 15ª Bienal de Havana, que ocorrerá de 15 de novembro de 2024 a 28 de fevereiro de 2025, contará com a presença do...

    Florêncio Handanga homenageia legado musical do pai com lançamento de “Ya papa”

    Florêncio Handanga, filho do saudoso músico Justino Handanga, irá lançar uma nova música intitulada “Ya papa” no próximo dia 18 de Maio, como uma...

    - Publicidade -

    Artigos Recentes

    - Publicidade -

    Mais como isto