Luanda prova mais de 340 vinhos portugueses

0
286

A Grande Prova dos Vinhos de Portugal em Luanda vai ter lugar a 28 de Junho, no HCTA – Hotel de Convenções de Talatona, entre as 17h e as 22h. Os profissionais do sector convidados vão poder experimentar o melhor dos vinhos portugueses, numa prova que se tornou tradição e que já é um dos eventos mais esperados do ano.

Em antecipação à Grande Prova Anual realizam-se três formações, em linha com a contribuição que os Vinhos de Portugal têm procurado dar ao conhecimento e qualidade dos sectores da Grande Distribuição e Retalho em Angola. Entre 26 e 28 de junho os super e hipermercados Candando, Maxi e Mega CC vão ter manhãs de formação guiadas por Luís Lopes, director da revista da especialidade, Vinho Grandes Escolhas.

Com uma excelente aceitação junto do mercado Angolano e internacional, os vinhos portugueses têm assinalado um crescimento significativo e um sustentado aumento de vendas em valor. Dos mais de 267 mil litros importados por Angola em 2017, mais de 75 mil litros são vinhos portugueses.

“Com base nos dados de 2016 e as exportações de 2017, estamos certos que Portugal ocupa o primeiro lugar na escolha dos angolanos, com uma quota entre os 70% e os 75%, seguindo-se a Espanha com 8% a 10% e a França com cerca de 5% a 6%”, explica Jorge Monteiro, Presidente da ViniPortugal.

Com base em dados disponíveis, o vinho representa cerca de 30% do mercado de bebidas alcoólicas em Angola. O seu consumo está porém muito concentrado em Luanda. Para um consumo per capita entre 12 e 13 litros, Luanda apresenta um valor de 25 litros, ou seja, o dobro da média nacional. Em 97% do consumo de Angola assenta em vinho seco (ou vinho de mesa) dos quais 85% são tintos.

Neste período de instabilidade de mercado, os Vinhos de Portugal acreditam no crescimento e potencial deste sector em Angola, procurando assegurar e manter a sua quota de mercado. “Portugal é o país do qual Angola importa mais vinho, sendo por isso estratégico para os Vinhos de Portugal fortalecer a sua imagem de liderança com eventos como a Grande Prova Anual, impactando os líderes de opinião do mercado e reforçando a educação junto do trade”, afirma Jorge Monteiro.

As exportações de vinho português para Angola continuam a evoluir de forma positiva. Depois das acentuadas quedas verificadas em 2015 e 2016, 2017 apresentou-se como um ano de inversão da tendência fechando com uma taxa de crescimento de 40% no valor exportado, embora ainda muito longe dos valores exportados em 2014. Por país de origem os principais concorrentes de Portugal são, por ordem decrescente de quota a Espanha, França, África do Sul e Itália.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments